Leituras Online  

NAQUELE TEMPO SE LEVANTARÁ MIGUEL

0 Comentáros
289
17 Jul 2021

“E naquele tempo se levantará Miguel, o grande príncipe, que se levanta a favor dos filhos do teu povo, e haverá um tempo de angústia, qual nunca houve, desde que houve nação até àquele tempo; mas naquele tempo livrar-se-á o teu povo, todo aquele que for achado escrito no livro.”

(DANIEL 12:1)

“E houve batalha no céu; Miguel e os seus anjos batalhavam contra o dragão, e batalhavam o dragão e os seus anjos;

Mas não prevaleceram, nem mais o seu lugar se achou nos céus.

E foi precipitado o grande dragão, a antiga serpente, chamada o Diabo, e Satanás, que engana todo o mundo; ele foi precipitado na terra, e os seus anjos foram lançados com ele.

E ouvi uma grande voz no céu, que dizia: Agora é chegada a salvação, e a força, e o reino do nosso Deus, e o poder do seu Cristo; porque já o acusador de nossos irmãos é derrubado, o qual diante do nosso Deus os acusava de dia e de noite.

E eles o venceram pelo sangue do Cordeiro e pela palavra do seu testemunho; e não amaram as suas vidas até à morte.

Por isso alegrai-vos, ó céus, e vós que neles habitais. Ai dos que habitam na terra e no mar; porque o diabo desceu a vós, e tem grande ira, sabendo que já tem pouco tempo.”

(APOCALIPSE 12:7-12)

“Porfiai por entrar pela porta estreita; porque eu vos digo que muitos procurarão entrar, e não poderão.

Depois que o pai de família se levantar e cerrar a porta, e estando fora comeceis a chamar à porta, dizendo: Senhor, Senhor, abre-nos; ele, responden-do, vos dirá: Não sei de onde vós sois.”

(LUCAS 13:24-25)

“Miguel foi Cristo, desde então; o que lutou nas guerras angelicais no Céu contra o diabo.” 

(PRINCÍPIO E FIM DA DISPENSAÇÃO GENTIA, Reverendo William Marrion Branham, 09/01/1955)

Extratos do Reverendo William Soto Santiago

Portanto, então o tema desta manhã é: “A BRECHA”. E a brecha é algo que une uma coisa com a outra; é como uma ponte. Portanto, então essa brecha nos passa de um lugar a outro, de uma etapa a outra, de uma Dispensação a outra, de uma Era a outra; da Segunda Dispensação à Terceira Dispensação, da Era de Laodiceia à Era da Pedra Angular, de Trono de Misericórdia a Trono de Juízo.

Bom, e então, vendo todas estas coisas, e o que significa esse tema: “A Brecha”, então temos estado nestes dias passados em torno desse tema: “Deus em Simplicidade”.

 E Deus em simplicidade... Muitíssimas mensagens de certo tempo para cá, você as junta e tem a Mensagem: “Deus em Simplicidade.”

E hoje temos visto este tema sobre “A Brecha”, o qual posso observar, e é que já então está no dobrar da esquina o passar a essa nova fase.

E nessa nova fase é que nós receberemos tudo o que falta por receber da parte de Deus; é que receberemos o cumprimento da Visão da Tenda (o que falta dela). Também será o tempo em que nossos corpos serão transformados. Será o tempo também em que o grupo que tem que sair dos gentios que verá o que tem que ver para sair das denominações, para poder entrar o Ano do Jubileu; eles estão como escravos nas denominações, mas para ouvir essa Trombeta, têm que sair.

Por isso o chamado é: “Sai dela!” Ao saírem, então poderão ouvir, serem libertados, e também – e é nessa fase que vem agora; e também é o tempo em que serão libertados os cento e quarenta e quatro mil.

Não disse o Arcanjo, o Arcanjo Gabriel, a Daniel: “Nesse tempo se levantará Miguel, o qual está pelos filhos do teu povo; e teu povo será libertado”? Vê?

É tempo de ser libertados; é tempo de liberação. E agora, esta nova fase que se moverá será uma fase de liberação na qual entrarão gentios (serão liberados das denominações); e na qual entrarão os cento e quarenta e quatro mil judeus. E nós seremos liberados destes corpos mortais e teremos um corpo glorificado, um corpo transformado; e depois seremos liberados desta dimensão terrestre e trasladados a outra dimensão. Assim que, é tempo de liberação, o qual nós vivemos. (A BRECHA, 23/01/1977, Cayey, Porto Rico)

Agora, vamos olhar aqui. Selos, 265. Diz:

“Agora, aonde tudo isso dará? Está regressando aonde começou. Começou no Céu, e está chegando à batalha do fim.

A primeira coisa que houve no Céu foi uma batalha, quando Lúcifer foi expulso e veio à Terra. Então foi quando colocou a perder o Éden. E desde então tem estado contaminando.

E, daquela batalha no Céu, está chegando à batalha sobre a Terra, e será finalizada sobre a Terra no tempo do fim, na batalha chamada ‘Armagedom’. Qualquer um sabe isso. A batalha começou no Céu. Foram expulsos. Miguel e Seus Anjos venceram a Lúcifer e o lançaram para baixo. Então ele desceu diretamente ao Éden e deu começo à batalha terrestre.”

Agora vocês já vão vendo que a mesma batalha que ocorreu lá no Céu, e os mesmos personagens (Miguel e Seus Anjos – o Arcanjo Miguel e Seus Anjos lutaram contra Lúcifer e seus anjos e os venceram), agora a mesma batalha será aqui na Terra. E ao ser realizada aqui na Terra, então Miguel e Seus Anjos estarão aqui. Vê? E Lúcifer e seus anjos estarão aqui. Mas para que se realize esta batalha na Terra, Lúcifer tem que se encarnar. Vê você? Então será uma batalha aqui na Terra, e então a quinta dimensão se encarnará nos que seguem ao cavaleiro que cavalga o cavalo amarelo; e os está juntando a todos. Mas o que passará? A Sexta Dimensão se encarnará também aqui na Terra, nos verdadeiros crentes. Então a Palavra encarnada nos verdadeiros crentes estará então (essa Palavra) pronta para enfrentar a anti-palavra. Então tudo isso será manifestado através de carne humana, dos dois lados. Vê? (A QUINTA RECOMPENSA – PARTE I, 20/02/1977, Cayey, Porto Rico)

“E esses dois se encontram nos campos de batalha: Lúcifer e Miguel outra vez, como no princípio.” (A FESTA DAS TROMBETAS, William Marrion Branham)

E onde se encontram? Nos campos de batalha.

Agora veja, o mesmo que aconteceu lá naquela grande batalha no Céu, volta a se repetir aqui na Terra em forma de Armagedom.

Então vamos por aqui, porque queremos ver a Apocalipse 12 nesta ocasião (vê-lo claro), já que nunca tínhamos entrado de cheio a este capítulo de Apocalipse. Agora vamos vê-lo claro aqui.

Citações de William Marrion Branham, página 163:1458:

“Eu tive um sonho uma manhã dessas. Não sonho muito, não sou um sonhador; porém, eu sonhei que vi a um homem jovem de grilhões (você sabe, essas algemas ou grilhões que nas cadeias colocam nos pés e também nas mãos); ele estava tratando de sair.

Eu disse... Alguém me disse: ‘Essa gente é horrível! Não tenha nada a ver com ela.’

E eu vi a este homem jovem saindo de suas algemas. De modo que, apenas o deixei. Pensei: ‘Só ficarei vendo o que ele faz.’

Assim que, ele saiu; e era um homem simpático. E vi a outros tratando de sair.

E ela disse: ‘Irmão, Branham! Livre-nos disto!’

Disse: ‘Esta é uma casa do inferno!’

E disse: ‘Você foi mal compreendido.’

E disse: ‘E você compreendeu mal a esta gente também.’

Disse: ‘Esta gente é boa, porém...’

Olhei ao outro lado, e tinha como um porão bem grande; paredes grandes abaixo, debaixo de uma caverna muito grande; e grandes barras de ferro, de 8 a 10 polegadas de largura. E pessoas fora de suas mentes, com braços e pernas retorcidos, batendo a cabeça, assim. E ela estava chorando, dizendo: ‘Livre às pessoas, irmão Branham!’ – Disse: ‘Ajude-nos! Estamos em aflição!’ – Ela mesma, a conheço, creio que pertence à Igreja de Cristo ou à Igreja Cristã, chamada Igreja dos Irmãos. Assim ela...

Olhei ao redor, e disse: ‘Eu gostaria de poder.’

E continuei olhando ao redor; e eu... meu corpo tão pequeno, e essas barras de ferro tão grandes; e essa pobre gente ali dentro. E você não podia chegar até eles. Essas barras de ferro estavam tão perto, juntas (perto uma da outra). E olhei, e eles estavam batendo com a cabeça como se estivessem fora de sua mente.

E vi algumas luzes cintilando ao redor lá dentro. E olhei para cima, e ali esteve parado o Senhor Jesus com umas luzes de arco-íris em volta dele. Ele estava olhando diretamente para mim.

Disse: ‘Livre essa gente!’ Ele se foi. E pensei, pois: ‘Como poderia eu os livrar? Eu não tenho força suficiente em meus braços para quebrar essas barras.’ Assim que, disse: ‘Casa do inferno, renda-te! No Nome do Senhor Jesus Cristo!’

E todo o crugir, e toda a detonação, e as rochas rolando, e as barras caindo; pessoas correndo, e gritando: ‘Libertados!’ E gritando aos berros. E tudo foi libertado.

E eu estava gritando, então: ‘Irmão Roy Borders, onde você está? Onde você está? Deus está libertando Sua gente! Onde você está, irmão Borders?’”

Vê você? Este é o tempo da liberação; este é o tempo em que Deus realizará essa liberação. Este é o tempo em que o Arcanjo Miguel se levanta com Seu grande Exército e então começa a operar aqui na Terra para realizar essa grande liberação. E então é contra a casa do inferno, vê? É contra o cavaleiro do cavalo amarelo. Então vemos que é um tempo de correria, porque todos começaram a correr, a correr e a gritar: “Libertados! Libertados!” O que aconteceu? Está vindo um corre-corre. Vão sair da casa do inferno; um grupo vai sair.

Observe: a casa do inferno, pois, é a casa da quinta dimensão, vê? E Laodiceia está na quinta dimensão; é a casa da quinta dimensão onde Satanás está sentado como rei; estabeleceu seu reino aí. Então, daí sairá um grupo correndo, vê? Os primeiros que saíram fomos nós – você já sabe – fomos os primeiros a ser libertados; então nossos grilhões, nossas cadeias foram quebradas.

Agora, não notou que, antes de vir esse terremoto e de ter-se falado a Palavra contra a casa do inferno, não notou que antes disso tudo acontecer, um jovem se libertou a si mesmo? Que um jovem se libertou? Bom, então com certeza nesse jovem tem que estar representados todos os escolhidos; ele deve nos representar.

Ele se libertando de Laodiceia, da casa do inferno, libertando-se, pois tem que representar a todos nós que fomos libertados. E depois disso então veio, pela Palavra Falada contra a casa do inferno, a liberação para o restante que ali estava; e tudo caiu. 

Bom, aí as virgens fátuas estarão libertadas ou, serão libertadas nesse tempo em que tudo há de cair ao chão.

Todas essas barras, todas essas muralhas que estão impedindo a liberdade do povo de Deus que está atado lá na Era de Laodiceia (e nós estando vivendo numa terceira Dispensação e numa nova Era, uma Era eterna), o diabo os têm atados lá na quinta dimensão; os têm atados, crendo que estão na Era de Laodiceia e vivendo a mensagem que é para a Era de Laodiceia.

Mas quando essa casa cair, quando caírem todos esses muros, e essas barras caiam, haverá um grupo, uma multidão que ninguém podia contar (vê você?), que proclamará e gritará que foram libertados.

E em que outro tempo poderão ser libertados, senão, no Ano da Liberação, que é o Ano do Jubileu? E com a proclamação da Mensagem do Ano do Jubileu será que cairá a casa do inferno, e serão libertados; porque esse é o tempo onde os escravos podiam ser libertados, vê? Onde todas as propriedades regressavam às mãos dos verdadeiros herdeiros.

Bom, e vemos que do lado invisível quem está comandando todos esses exércitos invisíveis, do lado de Deus, é Miguel e Seus Anjos; o Arcanjo Miguel. (A QUINTA RECOMPENSA – PARTE I, 20/02/1977, Cayey, Porto Rico)

Com esse Arcanjo se levantando, vê você o que se passa? Com esse Arcanjo se levantando. Nesse tempo em que esse Arcanjo estará levantado com Seu poderoso Exército para enfrentar ao exército do diabo, vê? Ao exército de Satanás.

Nessa batalha do Armagedom, nessa batalha que será bem forte, onde rugirão ambas as forças, encontramos que nesse tempo também é o tempo da primeira ressurreição. Vê você?

Então vemos que no tempo em que a ressurreição vai ocorrer (um pouquinho antes) se levanta o Arcanjo Miguel. Antes da ressurreição, o poderoso Arcanjo Miguel se levanta para dar início à batalha.

E como já vimos nesta batalha, é nesta batalha que ocorre o aperto da Noiva: o exército espiritual do diabo se encarnando em seus súditos e trazendo esse aperto, essa perseguição; porém, o Exército de Deus então vindo e se manifestando (e todos os Anjos de Deus – este poderoso Arcanjo Miguel) do nosso lado. Vê você? 

E então, isso cumpre Apocalipse 19, e cumpre também Apocalipse, capítulo 11.

Então vemos que haverá uma tremenda batalha.

Agora, você entenda que essa batalha começou: essa batalha começou em sua mente, vê? E estando essa batalha em sua mente – porque primeiro vem essa batalha espiritual, e está se movendo no campo de batalha que é sua mente. É por isso então que Lúcifer com seu exército começam a lutar contra Deus e contra os filhos de Deus; e essa batalha está sendo realizada em sua mente. E cada dia é mais forte.

Então o diabo lança tudo o que pode lançar aí contra você; e por isso é que você se sente da maneira que se sente e vem os pensamentos que vêm; porém, é o diabo lançando esses maus pensamentos contra você, e tratando de fazê-lo crer que você não é um escolhido; tratando de fazê-lo crer que você cruzou a linha, tratando de fazê-lo crer que você não irá na Traslação, que você vai ficar aqui; tratando de de fazê-lo crer quanta coisa má contra você , ele possa te fazer crer; tratando de lhes trazer toda coisa que te desanime, que o aparte da Palavra de Deus.

Tudo isso que é contrário à Palavra de Deus, que vem contra você para que se aparte da Palavra, para que você faça como Eva fez, tudo isso é do diabo; tudo isso está sendo feito por Lúcifer com seu exército.

Mas da parte de Deus o que ocorre? O que ocorre com o Arcanjo Miguel e Seus Anjos? Estará com os braços cruzados? Não! Da parte dos Exércitos de Deus, capitaneados por esse poderoso Arcanjo, então vem todo esse poder da parte de Deus, e esse bombardeio poderoso.

Porque nos é dito que nós temos uma Bomba Atômica, e que, a Bomba Atômica espiritual é a Palavra. Então vemos como da parte da Sexta Dimensão, como da parte desse Arcanjo Miguel com Seu Exército, vemos como Ele começa a disparar Bombas Atômicas: Palavra sobre Palavra (e onde?) nesse campo de batalha: na mente. E com esse bombardeio atômico começa a destruir ao inimigo que, com coisas falsas, com anti-palavra, quer se apoderar de você e de mim.

Então, assim como a batalha que foi pelejada lá no Céu, quem a ganhou? Miguel e Seus Anjos; e Lúcifer foi expulso do Céu. E nessa batalha espiritual na mente de cada um dos filhos de Deus, esta batalha é ganha novamente por Miguel e Seus Anjos.

Vejamos como: Palavra sobre Palavra, Bombas Atômicas espirituais sobre Bombas Atômicas, vão caindo na mente e no coração de cada escolhido, e o inimigo vai sendo destruído dentro de cada um dos escolhidos e é expulso. De onde? Das mentes dos filhos de Deus; assim como foi expulso do Céu. Então é lançado por terra.

Portanto, então, assim como foi expulso de lá e seu lugar não se achou mais, é expulso das mentes de cada um dos filhos de Deus e seu lugar não é mais achado nos filhos de Deus. Vê você?

Nas Eras da Igreja, pois, ele teve certo agarre, porém, este é o tempo de uma grande batalha onde ele é expulso completamente; portanto, não poderá estar aí nem com dogmas, nem com credos, nem com tradições, nem com ideias, nem com imaginações, nem com nenhuma coisa que não seja correta. Portanto, ele não pode estar aí com o correto.

Então quem estará aí será o Senhor em você, porque o diabo é lançado fora. Vê você?

Então essa batalha – não sei quantos já a notaram – porém, é uma batalha bem forte; é uma batalha muito dura na qual nós estamos envolvidos. A batalha que começou no Céu (a batalha dos anjos) veio a ser a batalha de seres humanos. É por isso que você sente essa batalha; é por isso que você está nessa batalha; e é por isso que você sente o rugir dessa batalha. Por isso é que você encontra que a guerra espiritual dentro de sua mente é dura.

Mas fique tranquilo! Porque temos a promessa de que o Senhor com Seu Exército (capitaneado por esse poderoso Arcanjo) expulsará a Lúcifer e seus anjos. Ve você? Então esteja tranquilo.

Agora, tudo depende também de qual lado você fique. Se você ficar do lado do que é anti-palavra, pois Lúcifer vencerá. Se você se põe do lado da Palavra, então você está seguro que essa batalha dentro de você a vencerá o Senhor. Não se renda ao inimigo! Permaneça ao lado do Senhor, porque Ele tem as melhores armas. 

E ele tem para usar a melhor arma que se possa usar, que é: a Palavra. É o mais poderoso que há. E sendo o mais poderoso, não falhará. Então não saia da Palavra em nenhum momento para andar em sua própria imaginação. Não saia da Palavra de Deus para andar em coisas que qualquer pessoa diga que é a verdade. Antes, fique na Palavra, e espere que a Palavra nos faça saber o que é a verdade em cada coisa que devemos conhecer.

Eu sei que a batalha é dura; a batalha espiritual que trazemos por dentro é dura. É uma batalha tão dura que, algumas vezes, muitos de vocês desejaram não viverem mais.

Talvez alguns de vocês até desejaram e vieram pensamentos do diabo (não seus, mas do diabo) de se suicidar. Vê você? Se o fizesse, pois, o diabo teria ganho a batalha em você. Vê você? Então você viria a ser um derrotado dele e rumaria para a quinta dimensão.

Mas nunca ceda numa coisa como essa. Nunca creia tampouco que isso é um pensamento seu. Saiba que é um pensamento do diabo; saiba que é um disparo que ele lhe acertou; saiba que são os dardos do inimigo que foram disparados contra você, para ver se por um lado ou por outro pode te destruir. Porque o que o diabo quer é destruir a cada um dos escolhidos; por isso em cada um dos escolhidos há uma grande batalha.

Porém, Deus não está com Seus braços cruzados; Deus está se movendo; Ele está em ação; o Espírito Santo foi solto. Nas Eras, estava amarrado às portas dos dogmas, credos e tradições, às denominações; mas agora não está atado e nenhuma denomi-nação, agora não está atado a nenhum credo, dogma nem tradição; está livre.

Portanto, Ele está do nosso lado, nos defendendo, porque somos Sua Propriedade, somos Genes de Deus; portanto, então estejamos corretos, parados firmes na Palavra sem sairmos nem à direita nem à esquerda.

A batalha ruge, é dura, e é a maior batalha que jamais tenha sido pelejada. Não é como foi naquele tempo, onde lançavam os cristãos aos leões; isso era uma coisa simples comparada com a batalha que está sendo pelejada hoje, porque é em nossas mentes, no espiritual.

Depois, mais adiante, a batalha tomará o aspecto físico, onde nos fecharão as portas; e então essa batalha espiritual que tem se movido no espiritual, então se moverá também no físico, para nos fechar as portas, para nos perseguir, para tratar de nos destruir; porém, a vitória é do Senhor. É a maior batalha. E sendo a maior batalha, é a maior vitória para nós da parte do Senhor.

Bom, esta batalha pela qual todos estamos passando, onde alguns foram feridos (disso não há dúvida), alguns foram feridos com pecados pelo diabo; o diabo os feriu. Porém, temos a Palavra. E a Palavra diz: “Enviou a Sua Palavra, e os sarou.” [Salmos 107:20]

Portanto, então para os feridos, para os enfermos, a Palavra e pela Palavra podem receber a cura. Portanto, o Senhor tem todas estas bênçãos no espiritual para todos nós.

Portanto, não se desanime em nenhum momento. Lembre-se que o que está em jogo não é a sua reputação; recorde que o que está em jogo não é uma denominação tampouco; recorde que o que está em jogo não é a salvação de outro, senão a sua salvação. Recorde que o que está em jogo não é o nome de outro, é o seu nome. E isso é pelo quê o diabo lutará e tratará: de que seu nome seja apagado do Livro da Vida.

Agora, lembre-se que tem um grupo que seus nomes estão na seção do Livro da Vida do Cordeiro; que esses não podem ser apagados. Por mais golpes que o diabo possa lhes dar, eles são os bons boxeadores que absorvem os golpes, vê? E depois sabem dar bons golpes; sabem dar bons golpes ao diabo. Porque o quarto Elias diz que temos que conhecer as astúcias do diabo, as táticas do diabo; assim como os boxeadores, que têm que conhecer as táticas que o outro boxeador usa, para então saber enfrenta-lo no dia dessa batalha, no dia dessa peleja, para poder combate-lo da maneira correta e dar o golpe certeiro que lhes dê a vitória.

E nós temos que conhecer as táticas do inimigo; conhecer todas suas táticas. E podemos conhece-las através da história bíblica. Todas as táticas que ele usará neste tempo, já as usou nas Eras da Igreja. E agora, quando ele vem montado no cavalo amarelo, ele estará usando as mesmas táticas que usou lá em todas as Eras; as usará aqui todas ao mesmo tempo.

Então, você e eu temos que vigiar essas táticas, e dar o golpe certeiro a cada um desses golpes que ele nos der. Então, a nossa vitória está em fazer o que o Senhor fez. Vê? Ele não saiu da Palavra. E cada vez que o diabo lhe dava um golpe, Ele dizia: “Está escrito! Está escrito!” Então, se está escrito, então Ele tinha o “Assim diz o Senhor”. Então Ele não tomou o que o diabo dizia, Ele não tomou o arrazoamento do diabo, porque Ele tinha a Palavra; Ele tinha o que estava escrito, e Ele sabia o que significava isso que estava escrito. Vê você?

Temos a Palavra escrita. E agora estamos entendendo ou sabendo – ou – Deus está nos mostrando o que significa isso. Portanto, então temos a Palavra, e podemos dizer como o Senhor dizia: “Está escrito!” (A QUINTA RECOMPENSA – PARTE I, 20/02/1977, Cayey, Porto Rico)

Vemos que há liberação espiritual para os escolhidos daqui e para os hebreus de lá: os cento e quarenta e quatro mil. Então, vemos que é uma batalha muito forte: o Arcanjo Miguel batalhando contra o arcanjo Luzbel ou Lúcifer; é uma batalha entre Miguel e o diabo. O diabo esteve com rios denominacionais, tinha ao Espírito Santo atado nas Eras; porém, ao final das Eras, o Espírito Santo é solto e o povo de Deus é libertado. Miguel, esse Arcanjo poderoso se levanta em cena, e então, aí é a batalha tremenda. (UMA VEZ MAIS, 19/12/1976, Ponce, Porto Rico)

Agora vejam vocês, que quando se fala de um tempo de angústia, um tempo de prova, um tempo de aperto, um tempo de perseguição, um tempo de problemas grandes neste mundo, o tempo dos maiores problemas, o tempo da maior angústia, é o tempo ao qual nós chegamos.

É o tempo em que surgirão todas as coisas que estão prometidas para este tempo final. E será um tempo de angústia, porém, ao mesmo tempo, é o tempo onde está prometido que se levantará Miguel; não é qualquer Miguel, senão, o Arcanjo que está pelo povo de Israel. (TEMPO DE ANGÚSTIA, 29/01/1978, Cayey, Porto Rico)

Agora, vejam vocês que, antes de ocorrer a ressurreição, conforme a como diz Daniel, primeiro se levanta quem? Miguel, o Príncipe que está pelos filhos de Israel. O Príncipe ou Mensageiro de Israel se levantou primeiro, e então, depois disso encontramos que é um tempo de angústia; e depois disso encontramos que é o tempo para a ressurreição também.

Agora, observe. Você tem que entender o que vamos falar agora. Encontramos que Lúcifer (esse é o diabo) – Lúcifer antes de cair, tudo estava o melhor possível, mas depois encontramos que ele caiu e, ao cair, encontramos que foi lançado por terra. Encontramos que quem se levantou para combater a Lúcifer foi o Arcanjo Miguel com Seu Exército.

Encontramos que Lúcifer se levantou e quis ter um reino muito mais formoso, mais explêndido que o Reino de Miguel. E Miguel é Cristo, lembre-se disso. (TEMPO DE ANGÚSTIA, 29/01/1978, Cayey, Porto Rico) 

Então temos que entender tudo isso: que para Deus mostrar a Seu povo as coisas que ocorrem no espiritual, então o mostra através de coisas daqui, que as pessoas podem ver; e então isso vem a ser um tipo e figura das coisas que estão se passando no mundo espiritual. Ou seja, isto que estava ocorrendo aqui neste tempo do profeta Isaías e deste rei aqui, isso que estava ocorrendo aí estava mostrando o que ocorreu lá no tempo em que o diabo se rebelou, e a forma em que o diabo caiu. Então encontramos que a queda do diabo lá foi mostrada nesse tempo de Isaías; e encontramos que a queda do diabo lá também mostra o que se passará neste tempo final aqui na Terra.

Encontramos assim no tempo da rebelião de Lúcifer e as coisas que ele quis fazer, e quis subir acima, ao alto, às alturas, quis subir ao Céu, quis pôr seu trono no Monte do Testemunho, mas foi lançado por terra, e então o trono do diabo não pôde ser colocado lá em cima e teve que ser colocado abaixo, na Terra.

Então encontramos que tudo isso mostra a rebelião do diabo neste tempo final; a maneira em que ele se rebelará e as coisas que ele tratará de fazer neste tempo. Porém, também é mostrada a maneira em que Miguel se levanta e o lança por terra.

Qual é o lugar onde o diabo desejou subir e desejou colocar seu trono? Desejou subir ao Monte de Deus, às alturas de Deus; desejou subir ao Monte do Testemunho, desejou subir ao alto, desejou subir: à Era da Pedra Angular. Desejou subir a um certo lugar onde ele possa colocar seu trono, e então possa se sentar aí no Monte do Testemunho e então ser semelhante a Deus. Mas o que se passa? Não pode ser dessa maneira, porque lá tampouco pôde lograr seus propósitos. Então é lançado por terra, vê? Quis subir ao Céu – quer subir a uma Era Celestial, mas é lançado por terra. Então, ao ser lançado por terra, é lançado aonde? A uma Era terrena: a Era de Laodiceia.

Aí então é que ele se estabelece, e aí coloca seu reino. Por que? Porque o Arcanjo Miguel então o lança por terra; então o diabo não pode fazer o que havia feito nas Eras passadas, onde logrou se meter em cada uma das Eras. Depois que o mensageiro deu a Mensagem, os escolhidos foram selados; então o diabo se meteu.

O irmão Branham diz que, mesmo estando o mensageiro de cada Era, o diabo tinha certo agarre, e que em cada Era houve erros. Vê que o diabo sempre teve algo, teve certo controle em cada Era?

Mas quando se chega à Era da Pedra Angular, à Era Celestial, aí o diabo trata de subir aí para cima (Para quê? Para fazer as mesmas coisas que fazia nas Eras passadas e se estabelecer aí, que é o lugar mais importante.), mas de aí é lançado por terra, é expulso. (TEMPO DE ANGÚSTIA, 29/01/1978, Cayey, Porto Rico)

Agora, vejam vocês. Com quem esteve Miguel, esse poderoso Arcanjo, no tempo do Primeiro Êxodo? Esteve com Moisés. Miguel esteve com Moisés. E quando Moisés morreu, Miguel levou a Moisés. Quando esse ministério de Moisés terminou naquele tempo, quando terminou o primeiro ministério de Moisés, Miguel estava ali e era o Arcanjo que acompanhava a Moisés; e foi o Arcanjo que levou a Moisés quando morreu. E foi um tempo em que Miguel se levantou e havia uma luta com Lúcifer; e estavam lutando pelo corpo de Moisés.

E agora, encontramos que no tempo do segundo ministério de Moisés que, se foi Miguel quem levou a Moisés, quem terá que trazer a Moisés de novo? Tem que ser Miguel. Portanto, Miguel se levanta neste tempo final para trazer a Moisés de novo por segunda vez à cena; o ministério de Moisés de novo. E então, encontramos que é um tempo muito importante. (TEMPO DE ANGÚSTIA, 29/01/1978, Cayey, Porto Rico)

Agora, vejam vocês, que o lugar escolhido para a batalha é a mente; e a mente está na cabeça. Portanto, a maior batalha jamais pelejada é travada na mente. Encontramos que, como indivíduos, temos que pelejar essa grande batalha, e o lugar é na mente. Entenda bem. É na mente. E a Noiva como grupo, é na mente da Noiva que se peleja essa grande batalha onde Lúcifer e Miguel se encontram. (TEMPO DE ANGÚSTIA, 29/01/1978, Cayey, Porto Rico)

A grande batalha ocorre, e então é algo que neste tempo tem estado se movendo em cena no campo espiritual, no mundo espiritual e no céu espiritual. E o diabo e todos os seus anjos caídos têm sido lançados por terra, têm sido combatidos; e vemos que a batalha está da parte de quem? De Miguel e Seus anjos.

E Miguel e Seus anjos são quem? Cristo e os escolhidos deste tempo presente em que estamos. (TEMPO DE ANGÚSTIA, 29/01/1978, Cayey, Porto Rico)

Encontramos então que, ver aos anjos de Deus nessa grande batalha, ver a esses anjos de Deus que não caíram em denominações, é ver aos escolhidos deste tempo nessa grande vitória em que estão.

Ver ao Arcanjo Miguel manifestado neste tempo, atuando, é ver a Cristo em Sua Segunda Vinda nesta grande batalha que está sendo realizada e nesta grande vitória que está sendo ganha nesta hora em que estamos vivendo.

Então, você pode ver que tudo aquilo que ocorreu com a queda do diabo lá, esteve se repetindo entre seres humanos, esteve se repetindo em carne humana.

Portanto, então você pode se dar conta o que é essa grande batalha. O campo de batalha é a mente; é a mente do Corpo do Senhor. E onde está a mente do Corpo do Senhor? Na cabeça. Acima. Aqui em cima é que está esse campo de batalha; e aí é que são tomadas as decisões.

Mas, observe. O Corpo do Senhor, o grupo de escolhidos deste tempo, tendo a Mente de Cristo, aí são tomadas as decisões; e ao serem tomadas aí, sabemos que o grupo do Senhor sempre tomará a decisão correta, e sempre estará ao lado da Palavra de Deus.

Estando neste tempo tão glorioso, nós temos que ver essas coisas. E, quanto a nós como indivíduos, temos que ver que a nossa luta é uma luta mental, é uma luta grande; e algumas vezes o diabo quer te desanimar, quer te enganar para que você se úna ao exército dele; mas você pertence ao Exército do Príncipe que se levantou pelos filhos de Israel.

Portanto, então sabemos que a ressurreição está perto; sabemos que, de um momento a outro, a ressurreição tem que ocorrer. Mas recordem que: é tempo de angústia no espiritual; é tempo de angústia para dar à luz a Cristo. A Noiva, como grupo, deu à luz à Cristo. Os escolhidos que compõem o Corpo Místico do Senhor, os escolhidos que compõem o Corpo da Noiva, os escolhidos como indivíduos também têm que dar à luz a Cristo.

E isso é o que estamos esperando: que cada um dos escolhidos dê à luz a Cristo em seu ser, em sua vida; que cada indivíduo como pessoa dê à luz a Cristo, e então essa pessoa será Jesus Cristo manifestado em toda Sua plenitude em carne humana – em você e em mim. Então, isso é o que cada escolhido, como indivíduo, espera que ocorra em sua vida.

Porém, o campo de batalha em você é a mente. É por isso que cada escolhido tem tantas lutas em sua mente; tem todas essas lutas e todas essas batalhas. É que o diabo está pelejando contra Deus, e o lugar dessa peleja é a sua mente.

Portanto, então você pode se dar conta do por que dessas lutas, e do por que dessas guerras, do por que desses maus pensamentos que vêm a você. Pois, o que é isso? Pois é Lúcifer com seus anjos caídos lutando na sua mente para tratarem de destruí-lo como indivíduo. Porém, logo também você vê bons pensamentos, você vê como vem a Palavra de Deus em forma poderosa; e tudo isso se move, e em sua mente você vê uma batalha: você vê a Palavra de Deus que se move aí, mas também vê a anti-palavra; vê também as coisas más que se movem aí para fazer com que você se aparte da Palavra de Deus, para fazer com que você rejeite a Palavra de Deus.

E você não pode evitar essa luta que há em você. E quanto mais trata de evitar essa luta, essa batalha, mais dura se põe.

Assim que, não se acovarde. É que você, como indivíduo, é o lugar... Não é nos pés; é na mente! Portanto, você e eu temos que ser realistas; e quando vem coisas más, devemos saber que é Lúcifer com todos esses espíritos maus que estão tratando de te destruir, que estão tratando de se apoderar de sua mente. Para quê? Para ele se entronizar aí, e desde aí governar a você e fazer de você um homem dado e rendido ao pecado. Vê?

Então, nesta hora, como ele fez lá – ele disse: “Subirei ao alto.”

Agora, nesta hora ‘subir ao alto’ na Noiva, como grupo, é subir à Era da Pedra Angular; porém, em você como indivíduo, é subir aonde? À sua mente. Subir ao alto e se entronizar aí, e ser semelhante ao Altíssimo. Vê?

Então, se ele conseguir subir e conseguir ganhar essa batalha aí, o que é que acontece? Então o diabo vem e põe seu trono em seu coração, e então vem a ser semelhante ao Altíssimo. Por que onde o Altíssimo tem o Trono? Tem o Trono em seu coração. E é aí que o diabo quer se entronizar em você como indivíduo, mas tem que ganhar a batalha na mente.

Porém, Deus também está lutando; esse Arcanjo com Voz de Arcanjo e com Seu Exército está lutando. E então o diabo foi derrubado por terra na vida de cada escolhido; e então o diabo não pode fazer nada, e não poderá se entronizar no coração do escolhido, porque para poder se entronizar tem que ganhar a batalha na mente. (TEMPO DE ANGÚSTIA, 29/01/1978, Cayey, Porto Rico)

Assim é que, vemos a hora em que estamos, e é: “TEMPO DE ANGÚSTIA”.

Deus nos abençoe e Deus nos guarde nesta hora, neste dia. E não tenham medo. Você sabe a hora em que estamos vivendo. Seja sempre valente! Sempre lutando ao lado de Deus, ao lado do poderoso Exército Celestial, ao lado do poderoso Exército de Miguel. Vocês já sabem quem é Miguel, verdade? Miguel é Cristo em Sua Vinda. (TEMPO DE ANGÚSTIA, 29/01/1978, Cayey, Porto Rico)

E agora, encontramos que Barrabás é tipo e figura do anticristo. 

Quando eles escolheram Barrabás para que fosse libertado, ali eles estavam colocando o tipo e figura do anticristo sendo recebido pelo povo hebreu no tempo final.

Amaram mais a Barrabás do que a Jesus Cristo, o Rei de Israel. 

Por isso o anticristo (representado em Barrabás) os conquistará e os enganará neste tempo final.

Mas, isso será por um lapso de tempo; a seguir, o anticristo romperá o pacto com os hebreus, os perseguirá; e haverá uma perseguição tão grande contra o povo hebreu que, o Arcanjo Gabriel diz, no capítulo 12 do livro do profeta Daniel, que nesse tempo se levantará o Arcanjo Miguel, que está por parte do povo hebreu. Diz: 

“Naquele tempo se levantará Miguel, o grande príncipe, que se levanta a favor dos filhos do teu povo;

 e haverá um tempo de tribulação, qual nunca houve, desde que existiu nação até aquele tempo;

mas naquele tempo livrar-se-á o teu povo, todo aquele que for achado escrito no livro.” 

Logo, em Apocalipse, capítulo 12, encontramos ao diabo, a antiga serpente, a qual estará se manifestando na Terra, através do anticristo, do homem do pecado, e estará perseguindo ao povo hebreu e também as virgens fátuas ou insensatas da parábola de São Mateus, capítulo 25, verso 1 ao 13. 

E agora, encontramos que o dragão, que é o diabo em sua manifestação neste tempo final, estará encarnado no anticristo, no homem do pecado, para perseguir o povo hebreu, com o qual fará um pacto primeiro, e depois o romperá e perseguirá o povo hebreu. E também perseguirá aos 144 mil hebreus, e os matará; e matará milhares ou milhões – milhões de hebreus; e também perseguirá e matará às virgens fátuas ou insensatas que são uma parte do cristianismo, as quais, por não terem azeite em suas lâmpadas (o Batismo do Espírito Santo) não haviam nascido de novo; e sendo assim, não puderam ser transformadas para irem com Cristo à Ceia das Bodas do Cordeiro no Rapto ou Arrebatamento da Igreja do Senhor Jesus Cristo. (ESCOLHENDO ENTRE JESUS E BARRABÁS, 13/04/2001, Cayey, Porto Rico)

“Naquele tempo se levantará Miguel, o grande príncipe, que se levanta a favor dos filhos do teu povo;

 e haverá um tempo de tribulação, qual nunca houve, desde que existiu nação até aquele tempo;

mas naquele tempo livrar-se-á o teu povo, todo aquele que for achado escrito no livro.” 

Todos os que se encontrem escritos no Livro da Vida.

Esse será um tempo grande, muito importante para o povo hebreu. O Arcanjo Miguel estará em cena a favor do povo hebreu; porque Deus nunca abandonou a Seu povo. Mesmo quando estiveram espalhados por outras nações, Deus teve profetas, mesmo em outras nações, assim como o profeta Daniel. Ainda que não estivessem em sua terra, na terra de Israel (estava numa terra gentia), ali Deus levantou ao profeta Daniel.

Porque Deus nunca deixou, nunca abandonou a Seu povo, Israel. Porque Israel é Seu primogênito, e Deus não abandona a Seus filhos primogênitos em momento algum. Podem lhe vir muitos problemas, dificuldades, por causa da desobediência por parte dos primogênitos, mas com tudo isso, segue sendo o primogênito de Deus.

É como nossos filhos: por mais que façam coisas indevidas, seguem sendo nossos filhos; e assim é Deus com Seu povo Israel e com todos os Seus filhos.

Agora, Deus assinalou que haverá um tempo (no fim do tempo dos gentios) em que Deus falará diretamente ao coração, à alma do povo hebreu, de Israel. Isso está mostrado também na profecia de Ezequiel, no campo de ossos secos, os quais, pela Palavra de Deus colocada na boca de um homem, de um profeta (de Ezequiel) veio a restauração, uma ressurreição; e depois, a única coisa que lhes faltava era o Espírito. E o Espírito de Deus foi chamado dos quatro ventos. Um profeta o chamou. Porque somente um profeta pode levar o Espírito de Deus a uma nação, a um povo ou a uma pessoa; porque nesse profeta vai o Espírito de Deus para realizar Sua Obra. (ISRAEL E O FILHO DE DAVI, 04/09/1994, Cali, Colômbia)

Estamos vivendo no maior e mais glorioso de todos os tempos. Vejam, este é o tempo em que o profeta Daniel desejou viver, pois ele quis entender muitas coisas. Mas vejam o que lhe diz o Arcanjo Gabriel. Vejamos aqui no capítulo 12. Vamos ler até onde pudermos. Diz:

“Naquele tempo se levantará Miguel, o grande príncipe, que se levanta a favor dos filhos do teu povo;

 e haverá um tempo de tribulação, qual nunca houve, desde que existiu nação até aquele tempo;

mas naquele tempo livrar-se-á o teu povo, todo aquele que for achado escrito no livro.” 

Quando diz a Daniel: “Livrar-se á o teu povo...”, refere-se ao povo hebreu. E todos os que se encontrem no Livro serão libertados. Estes são cento e quarenta e quatro mil hebreus, que estão escritos no Livro da Vida do Cordeiro.

“E muitos dos que dormem no pó da terra serão despertados; uns para a vida eterna, e outros para vergonha e confusão...”

Os que são ressuscitados ou serão despertados para a vida eterna, esses despertarão (os que são do povo hebreu despertarão) ao final da grande tribulação; e aí despertarão cento e quarenta e quatro mil hebreus que morrerão durante a grande tribulação como mártires; mas serão ressuscitados. E dentre os gentios, os que ressuscitarão serão os escolhidos das Eras passadas e alguns dos nossos que pertiram. E nós, pois, seremos transformados. E isso será antes da grande tribulação. Vejam, antes da grande tribulação haverá uma ressurreição, e uma transformação para os que estão vivos e um Rapto. E ao final da grande tribulação haverá outra ressurreição: a ressurreição do grupo dos cento e quarenta e quatro mil hebreus e a ressurreição das Duas Oliveiras. (A REVELAÇÃO DOS MISTÉRIOS DO REINO DOS CÉUS, 07/07/1996, Santafé de Bogotá, Colômbia)

Agora, quando ocorra a ressurreição dos mortos em Cristo e a Adoção de nós que vivemos, estando no novo corpo não teremos problemas; e estaremos de 30 a 40 dias aqui nessa manifestação plena, onde o Poder de Deus estará realizando todas as coisas que foram prometidas para este tempo final.

E o inimigo de Deus (o diabo) se levantará contra a Obra que Cristo estará realizando. O diabo (através do anticristo, do homem do pecado, da besta) estará se levantando contra essa manifestação de Cristo no meio de Sua Igreja.

E o que aconteceu no Céu, onde o inimigo de Deus se rebelou contra Deus, e Miguel com Seu Exército pelejou contra o diabo e o derrotou e o lançou por terra, essa batalha que foi pelejada no Céu, vejam vocês, estará se refletindo na Terra neste tempo final.

E o diabo, através do anticristo, do homem do pecado, da besta, levantando-se contra a Obra de Cristo no Último Dia, será a atualização de Apocalipse, capítulo 12: do que aconteceu no Céu, acontecendo na Terra no meio do Cristianismo e, sendo assim, no meio da raça humana.

O reverendo William Branham, numa ocasião, teve um sonho ou uma visão onde viu a uma serpente perseguindo a um irmão dele e amigo dele; e isso não é outra coisa, senão: a serpente antiga, o diabo, Satanás no Último Dia trazendo esse aperto e perseguindo ao Ungido do Senhor Jesus Cristo: o Anjo Mensageiro do Senhor Jesus Cristo, e ao grupo do Último Dia que estará com o Anjo do Senhor Jesus Cristo.

Porém, o Anjo de Jesus Cristo e o grupo que estará com o Anjo de Jesus Cristo terão a seu lado ao Arcanjo Miguel e ao Arcanjo Gabriel. Ou seja, que ainda que haverá uma luta, haverá uma vitória no Amor Divino, a qual está prometida.

Assim que, de um momento a outro virá esse aperto. Mas lembrem-se: quando chegue esse aperto, recordem que é o tempo para uma bênção grande da parte de Deus ser manifestada nos escolhidos de Deus: é para a Adoção de todos os escolhidos de Deus que trabalharam na Obra de Cristo com o Anjo de Jesus Cristo e terão terminado o labor estando em corpos mortais; e sendo assim, continuarão o labor estando no corpo eterno, imortal e glorificado; e por uns 30 ou 40 dias estaremos trabalhando na Obra de Cristo com o corpo novo e realizaremos o labor correspondente a esses dias.

E se nestes corpos mortais temos trabalhado na Obra de Cristo e temos obtido êxito, como será no novo corpo que Ele nos dará? Nos dará o novo corpo para que trabalhemos esses 30 ou 40 dias, e depois sejamos levados com Cristo à Ceia das Bodas do Cordeiro. (O TEMPO DE ANGÚSTIA E LIBERAÇÃO, 26/12/1999, Cayey, Porto Rico)

Agora, podemos ver por que houve essas lutas nos diferentes reinos nesta Terra, e ainda, no meio do povo hebreu. Porque isso vem desde a luta que houve no Céu, onde o diabo tratou de dar um golpe de estado a Deus; e ele teve inveja – o diabo teve inveja de Miguel e de Seu Reino (o Reino de Miguel).

Assim que, o diabo tratou de ter um reino mais formoso, mais importante que o Reino de Miguel (do Arcanjo Miguel). No Céu coube ao diabo ir para o Norte; e por isso é que na Terra o anticristo estaria colocado na parte Norte da Terra. E aí vamos deixar quietinho.

Vejam, o anticristo vem do Norte. É do Norte que vem o mal [Jeremias 4:6, 6:1, 6:22, 10:22, 13:20 – Isaías 14:31], o anticristo, a morte; mas do Ocidente vem o Cavaleiro do Cavalo Branco de Apocalipse 19; e aí vamos deixar quietinho, já que há uma luta pelo trono da Dinastia de Melquisedeque.

Esta Mensagem é para os filhos e filhas de Deus deste Último Dia; portanto, leiam com atenção esta Mensagem, e a escutem com atenção também, para que vocês se mantenham firmes ao lado de Cristo; porque tudo o que aconteceu no Céu, se materializa na Terra neste tempo final.

Desde a queda do ser humano – e ainda, um pouquinho antes – tudo o que aconteceu no Céu esteve se materializando na Terra; e desde outras dimensões temos sido influenciados, e por isso é que há uma luta no meio da raça humana. Porém, a promessa bíblica é que o bem obterá a vitória contra o mal; Cristo obterá a vitória contra o diabo.

E já estamos no tempo final, onde, de um momento a outro, Cristo termina Sua Obra de Intercessão no Céu e sai do Trono de Intercessão e reclama tudo o que Ele redimiu com Seu Sangue; e aí ressuscitará aos mortos em Cristo e nos transformará.

E daí em diante a luta vai ficar mais forte, porém, Cristo obterá a vitória e nós iremos à Ceia das Bodas do Cordeiro; iremos à Ceia das Bodas do Cordeiro, a essa grande festa, porque teremos obtido a grande vitória no Amor Divino.

E isso dará lugar à grande vitória do Trono da Dinastia de Melquisedeque, e dará lugar a que Cristo obtenha – reclame e obtenha o Trono de Davi. Cristo obterá a vitória, reclamará o Trono de Davi e se sentará sobre o Trono de Davi.

Assim que, vejam que a luta entre Cristo e o diabo é pelo Trono: pelo Trono da Dinastia de Melquisedeque.

O Trono da Dinastia de Melquisedeque é o que se imporá, e o trono do diabo será destruído; o trono do diabo, da dinastia de Luzeiro, será destruído, porque ele se rebelou contra a Dinastia do Trono de Melquisedeque.

Assim que, podemos ver que é uma luta entre Deus e o diabo, e nós estamos experimentando os efeitos dessa luta desde que Deus colocou ao ser humano neste planeta Terra. Quando podemos compreender estas coisas, então podemos compreender que somente a misericórdia de Deus a nosso favor é a única coisa que nos livra da destruição do inimigo, da destruição que o inimigo quer realizar contra a Dinastia e Descendência de Melquisedeque. Porém, sendo dessa Dinastia de Melquisedeque, sendo descendentes de Melquisedeque, e sendo que a Bíblia promete que a vitória a obterá Melquisedeque, Cristo, então estamos à salvo com Cristo e ao lado de Cristo.

Assim que, estamos do lado bom, do lado que obterá a vitória no Amor Divino; estamos do lado da Dinastia de Melquisedeque, e sendo assim, desde o Trono de Melquisedeque vem as bênçãos para cada um de vocês e para mim também.

Tudo o que, aparentemente, para muitas pessoas, desde o princípio (de Adão e Eva) até este tempo final, a humanidade tem visto como algo – como um sentir de religiosidade, algo assim, de algumas pessoas – é muito mais ou muito maior do que as pessoas podem conceber.

É uma luta, uma batalha de outra dimensão; é uma batalha entre Deus e o diabo; o diabo por tirar de Deus todo o domínio. (A LUTA PELO TRONO DA DINASTIA DE MELQUISEDEQUE, 30/01/2000, Cayey, Porto Rico)

E agora, o Príncipe que está do lado dos filhos de Israel (do povo hebreu) é o Arcanjo Miguel. Esse Arcanjo esteve na liberação... É o Arcanjo... Vejam, no livro de Judas nos fala deste Arcanjo, e vamos ver o que a Escritura nos diz acerca deste Arcanjo...

Tem um só capítulo, mas vamos dizer: Capítulo 1, do versículo 8 ao 9, diz:

“E, contudo, também estes, semelhantemente adormecidos, contaminam a sua carne, e rejeitam a dominação, e vituperam as dignidades.

Mas o Arcanjo Miguel, quando contendia com o diabo, e disputava a respeito do corpo de Moisés, não ousou pronunciar juízo de maldição contra ele; mas disse: O Senhor te repreenda.”

E agora, vejam, o Arcanjo Miguel contendeu contra o diabo pelo corpo de Moisés, porque o diabo queria se apoderar do corpo de Moisés; porém, o Arcanjo Miguel se encarregou do corpo de Moisés e se encarregou do funeral de Moisés.

É que quando os santos de Deus morrem, Deus envia Anjos para que se encarreguem de levar essa pessoa ao Paraíso.

Agora, encontramos que o Arcanjo Miguel estava com o povo hebreu, e é o Arcanjo do povo hebreu, o Príncipe do povo hebreu. (A VITÓRIA FINAL DO REINO DE DEUS, 18/05/2003, Villahermosa, Tabasco, México)

“Por isso alegrai-vos, ó céus, e vós que neles habitais. Ai dos que habitam na terra e no mar; porque o diabo desceu a vós, e tem grande ira, sabendo que já tem pouco tempo.” (Apocalipse 12:12)

Assim que, esse pouco tempo que restará ao diabo, serão os três anos e meio da grande tribulação. Portanto, ai dos que moram na Terra nesse tempo! Porque será o tempo da grande tribulação; tempo de angústia para a raça humana.

Assim que, podemos ver aqui na Escritura que tivemos que, antes da grande tribulação, o Arcanjo Miguel se levantará; haverá uma luta: o diabo será lançado do Céu e se encarnará no homem do pecado (o anticristo), e aí será o tempo difícil para a humanidade.

Agora, podemos ver o que está profetizado para este tempo final, e podemos ver também que no mistério da Vinda do Reino de Deus e a posição que ocuparemos nesse Reino, podemos ver que grandes eventos do Reino de Deus estarão sendo realizados neste tempo final. (A VINDA DO REINO E A POSIÇÃO DE CADA CRENTE NELE, 11/04/2003, Cayey, Porto Rico)

E agora,  Miguel, o grande Arcanjo de Deus que pelejou contra o diabo no Céu, quando o diabo se rebelou, Miguel com Seus Anjos pelejaram contra o diabo, o venceram e o lançaram por terra.

E agora, Apocalipse, capítulo 12 nos fala dessa batalha; e nos fala de uma batalha para o tempo final. E agora, essa batalha, vejam vocês, cada vez que vai se realizar uma batalha entre o Arcanjo Miguel e o arcanjo caído, Luzbel (ou diabo, ou Satanás), encontramos que Apocalipse, capítulo 12 é aplicado.

No tempo da Primeira Vinda de Cristo houve uma batalha, e vejam vocês, ali estava o Arcanjo Miguel; e o diabo se levantou contra Cristo, porém, ali estava o Arcanjo Miguel obtendo a vitória contra o diabo.

E agora, para o tempo final, Apocalipse, capítulo 12, voltará a estar em pleno cumprimento. E a batalha que começou no Céu quando o diabo se rebelou contra Deus e Seu Programa, encontramos que essa batalha que começou no Céu veio a ser a batalha dos seres humanos. A batalha que começou, a guerra que começou entre anjos, agora veio a ser uma batalha, uma guerra entre seres humanos.

Ou seja, a batalha que começou no Céu, onde o diabo se rebelou contra Deus e declarou guerra a Deus, agora, quando o diabo foi lançado por terra, o diabo começou a batalha aqui na Terra, no Jardim do Éden, onde enganou Eva e o pecado entrou à Terra; e o pecado se manifestou na Terra assim como ocorreu no Céu, onde começou o pecado, o qual começou no Céu no e pelo arcanjo caído: diabo, Satanás, ou Luzeiro ou Luzabel. (SENDO BEM ENSINADOS NA ENCRUZILHADA DO TEMPO, 06/05/2000, Villahermosa, México)

Vejam vocês como era ou, qual era a situação de Jacó: vinha um exército, encabeçado de cheio por seu irmão; um exército de 400 ou 450 pessoas armadas para matarem a Jacó e sua família. Isso é tipo e figura do anticristo, representado em Esaú, o qual neste tempo final tratará de destruir ao povo hebreu. O homem do pecado tratará de destruir ao povo hebreu, porque nele estará o diabo encarnado para tratar de destruir à nação primogênita de Deus. Porém, Jacó, o povo hebreu neste tempo final, se encontrará com o Anjo do Pacto (Cristo) em Sua manifestação final, e então clamará pela bênção de Cristo, o Anjo do Pacto, o Anjo de Jeová, para que sua situação mude, e para que Deus possa estabelecer Seu Reino no meio do povo hebreu.

A situação de Jacó lá era difícil, e a situação de Jacó, o povo hebreu neste tempo, é difícil também: inimigos por todos os lados. Mas a promessa é que o Anjo do Pacto, o Anjo de Jeová, visitará ao povo hebreu, e cento e quarenta e quatro mil hebreus serão abençoados, os quais estão escritos no Céu, no Livro de Deus.

E todos os que tem seus nomes escritos no Livro de Deus, têm a promessa de serem libertados, conforme à profecia de Daniel, capítulo 12, onde o Arcanjo Gabriel (o Anjo da revelação divina, esse Profeta da Sexta Dimensão), diz:

“Naquele tempo se levantará Miguel, o grande príncipe, que se levanta a favor dos filhos do teu povo;

 e haverá um tempo de tribulação, qual nunca houve, desde que existiu nação até aquele tempo;

mas naquele tempo livrar-se-á o teu povo, todo aquele que for achado escrito no livro (ou seja, no Livro da Vida).

E muitos dos que dormem no pó da terra serão despertados; uns para a vida eterna...”

Para poderem entrar ao Reino Milenial de Cristo.

Também para o Israel Celestial, para este tempo final, quando Cristo se levante do Trono do Pai (Cristo – o Príncipe de todos príncipes), então os mortos em Cristo serão ressuscitados em corpos eternos e nós que vivemos seremos transformados. Isto é, todos os que se encontrem escritos no Livro da Vida do Cordeiro desde antes da fundação do mundo.

Assim que, para quando Cristo se levante do Trono do Pai haverá grande bênção para os escritos no Livro de Deus no Céu: tanto para os membros do Israel Celestial como também para o Israel terrenal. (O DEUS CRIADOR DE ISRAEL, 07/01/2001, Cayey, Porto Rico)

E agora, estamos vivendo num tempo muito importante no Programa Divino. Este ano é esperado que se consiga a paz. E como dizem aqui no Brasil: “Isso será sim ou sim!” Assim foi falado por alguns políticos importantes.  E a humanidade também está na expectativa, porque para muitas pessoas e líderes religiosos este é o Ano do Arcanjo Miguel.

E em Daniel, capítulo 12 diz:

“Nesse tempo se levantará Miguel, o grande Príncipe que está pelos filhos de Israel.” (Vamos ver o que...)

Isso está onde? No capítulo 12, de qual livro? De Daniel. E em qual outro livro? No capítulo 12 do Apocalipse. 

Assim que a humanidade está na expectativa; e principalmente o mundo religioso. 

“E naquele tempo se levantará Miguel, o grande príncipe, que se levanta a favor dos filhos do teu povo...” 

Essa é uma boa notícia. Mas vejam também o que diz a seguir:

“...e haverá um tempo de angústia, qual nunca houve, desde que houve nação até àquele tempo.” 

Ou seja, será um tempo de grandes dificuldades para a família humana, incluindo Israel, incluindo ao povo hebreu.

E talvez, possam dizer: “Mais perseguições e problemas ainda para Israel?” Bom. Aqui está dizendo isso. E se aqui está dizendo isso, assim será. Mas aqui vem a bênção também: 

“Mas naquele tempo livrar-se-á o teu povo, todo aquele que for achado escrito no livro.”

Ou seja, todos o que se achem escritos no Livro da Vida. Para esse tempo serão libertados cento e quarenta e quatro mil hebreus escritos no Livro da Vida: doze mil de cada tribo. E, portanto, as tribos perdidas de Israel aparecerão (além das que já estão no Cristianismo através das diferentes etapas do Cristianismo).

Esses cento e quarenta e quatro mil hebreus (doze mil de cada tribo) não pertencem à Igreja do Senhor Jesus Cristo. Eles são das tribos perdidas de Israel; e também das tribos do Sul: da tribo de Judá, da tribo de Benjamim e também da tribo de Levi, a qual se uniu à tribo de Judá; porque eles tinham o sacerdócio, o qual se desenvolvia em Jerusalém; realizava-se, desempenhava-se em Jerusalém. 

E agora, coube-nos viver no tempo mais importante da história da raça humana. E sendo assim, nosso anseio é ver o grande sinal de Salvação prometido para este tempo final, o qual está prometido que será: a Vinda do Senhor.  O povo hebreu espera ver esse sinal, porque o povo hebreu dá testemunho que a Paz para Israel (a Paz permanente) não virá senão por meio do Messias Príncipe; e, portanto, não há esperança de Paz para Israel, exceto na vinda do Messias Príncipe; na vinda do grande sinal de Salvação. Esse será o sinal de Salvação para Israel e para todas as nações: “E virá o Desejado de todas as nações: o Anjo do Pacto, o Senhor.” 

E agora, podemos ver que o grande sinal de Salvação para Israel e para todas as nações está sendo esperado; estão esperando um homem no qual Deus estará velado e revelado em toda Sua plenitude. (O GRANDE SINAL DE SALVAÇÃO, 18/01/2008, Goiânia, Brasil)

Compilação e Tradução: A LUZ DO NOVO DIA – Campo Largo-Paraná, Brasil

0.0
Última Modificação: quarta 21 julho 2021 11:39

Sem comentários ainda...

Deixe um Comentário

Seu e-mail não será publicado, fique tranquilo.