Leituras Online  

EXTRATOS - O MISTÉRIO DA ENCARNAÇÃO DA PALAVRA

0 Comentáros
398
04 Dez 2020

O MISTÉRIO DA ENCARNAÇÃO DA PALAVRA

(Volume 1)

EXTRATOS ESPECIAIS


DESPERTANDO À REALIDADE

Dr. William Soto Santiago

1974

Ponce, Porto Rico

Então minha recomendação é que orem muito pelos pastores; orem muito por seu pastor. Orem também por mim. Orem por todos os ministros do Senhor, aqui em Porto Rico e na América Latina e em todos os lugares; porque a revelação de Deus vem pelo anjo – o sétimo mensageiro, porém, do sétimo mensageiro passa aos pastores, e dos pastores passa às congregações. Se você quer ouvir a revelação do rapto, ore muito por seu pastor. Orem também por mim. Ore pelos ministros. E ore por você, para que quando chegue esse momento, você esteja preparado.

Não seja que no dia em que seja revelado, você esteja em sua casa e não tenha vindo ao culto. Você tem que conhecer a sua posição para você receber o que Deus prometeu.

Portanto, sabendo que já não nos restam muitos dias aqui – e ainda mais – eu diria a vocês: Desesperem-se! Orem nestes dias ao Senhor em desespero, para que o Senhor nos dê neste mesmo mês. Você o quer? Quer que o Senhor nos dê neste mesmo mês o que Ele vai nos dar? Ou quer que nos dê no ano que vem? Ou daqui a dois ou três anos? Eu creio que ninguém quer nada para o futuro. Eu creio que como estão as coisas (e como vão estar), eu creio e vejo que o melhor lugar...

Veja: aqui está se acabando a comida. Aqui na Terra e em Porto Rico também. Mas sabe de uma coisa? Tem uma mesa servida lá. A Ceia das Bodas do Cordeiro está preparada lá, e esperando por nós. Enquanto aqui está se acabando tudo, lá estão esperando por nós, para que nos sentemos à mesa. É tempo de se manter firme: cada congregação junto a seu pastor.

Como diz o profeta mensageiro numas palavras à Noiva (como vocês leem sempre): “Não se desoriente.” Se houve um tempo em cada congregação teve que estar unida com seu pastor é neste tempo. Porque sendo o último, o diabo tratará de fazer o máximo que possa para que você não possa receber a revelação, a fé para o Rapto. E a única forma para você estar preparado é estando em desespero; porém, estando junto a seu pastor aí; e orando por ele para que Deus lhe dê o que ele tem que dar a você. Porque Deus ordenou aos pastores a guiarem as ovelhas em toda a Mensagem. Em TODA a Mensagem. E em TODA a Mensagem, isso inclui essa revelação que tem que ser dada a conhecer à Noiva.

Não será dada a conhecer através de algum irmão da congregação. Não a esteja buscando você. Você esteja buscando estar preparado e estar em desespero, clamando ao Senhor por ela; e orando por seu pastor e por todos os ministros para que Deus lhes dê a revelação, para que então eles possam lhe dar e você agarrá-la.

Esteja preparado para que quando vier, você a creia, a receba com o sentido da fé. Não vá arrazoá-la. Recorde o que lemos: que seria uma Pedra de tropeço; algo no qual tropeçariam se tivesse sido revelada – se tivesse sido revelado lá quando João a ouviu. E hoje em dia seria uma Pedra de tropeço. Seria algo no qual você tropeçaria se não estivesse preparado quando fosse revelado.

É por isso que é tão importante estar preparado, estar em santificação; estar fazendo tudo o que você sabe que o profeta disse que devemos fazer; e não estar fazendo as coisas que Deus nos disse através do profeta que não devemos fazer.

Você não trate de descobrir este mistério. Tampouco ponha-se a imaginar o que será esse segredo. Não o faça. Você não está chamado a fazer isso. Há algo real, e isso é o que nós queremos; não algo imaginário.

Algo imaginário não funciona. Algo imaginário não te dá a fé para o rapto. Tem que ser algo real. E algo real tem que ser: Palavra de Deus revelada através do mensageiro. Não pode ser algo que a pessoa venha a inventar agora, na última hora. Tem que ser algo que foi trazido pelo mensageiro, porém, que não o tenhamos visto ainda; que está oculto, está quietinho aí.

A revelação foi dada ao profeta; e do profeta passa aos pastores, não aos evangelistas; tampouco aos mestres; tampouco aos diáconos – só ao pastor. E do pastor à congregação. Assim que, os demais são ajudas para os pastores, porém, não é a eles que se passa. Os diáconos têm seu trabalho e são uma ajuda grande para os pastores, e são uma bênção de Deus; mas a revelação vem ao pastor.

Então, sabendo estas coisas, temos que ter os olhos abertos; temos que estar despertos à realidade da hora em que vivemos para receber a fé para o rapto.

Recorde: agora que lhes falei acerca destas coisas, você crê que o diabo estará quieto? O diabo não vai estar quieto. O diabo tratará de fazer algo.

Veja, o tenho copiado por aqui. O profeta diz, falando nos Selos, na página 154:

“Satanás é muito sagaz. Quando ele vê algo vindo, então lança tudo o que pode para o pôr a perder antes que chegue.”

Agora que você ouviu estas coisas, você crê que o diabo não vai tratar de lançar tudo que possa lançar para pôr a perder a revelação real e genuína do que Deus nos prometeu? Você crê que o diabo não vai tratar de se adiantar, para fazer que creiam outra coisa que não é? Fazendo você crer que essa é a revelação para o rapto, para que você a creia? E quando você crê uma coisa que está mal (um erro), isso não funciona. Então ele tratará de fazer isso, para que quando vier o real: “Não, eu já a tenho! Não! Eu já tenho a revelação!” Você não pode tê-la enquanto não chegar a seu pastor. Você não pode tê-la enquanto não seja dada aos ministros. Cada congregação a terá quando Deus a der a seu pastor, e do pastor passe à congregação.

Então, sabemos como temos que estar então. Sabemos como temos que estar vigiando, estar atentos. Que não aconteça que em algumas das pregações seja dada a revelação, e você, por não estar atento, lhe passe por cima. Tem que estar atento.


A ESTATURA DE UM HOMEM PERFEITO

Dr. William Soto Santiago

1974

Porto Rico

Quantas vezes ouvimos, mas nunca nos tínhamos dado conta da realidade, do que havia por detrás de tudo isso? Sabemos que a fé para o rapto é produzida pelos Trovões; sabemos que está aí; está tudo. Deus nos deu tudo aí. Então temos que desesperar.

Se desesperarmos sem que o aperto esteja muito forte, receberemos antes. Porém, a maioria no aperto é quê? É que quando não tenham outra coisa da qual se agarrar vão se agarrar da revelação, da Palavra, do que ainda não puderam entender, e então estará à disposição de todos; porque Deus tem para todos. Não é para uns sim e para outros não; é para toda a Noiva. Porque a todos, a todos, a toda a Noiva é que o Senhor vai levar. Assim é que, temos que orar muito.

Sabemos que o profeta disse que a revelação vem aos pastores. E se você quer que Deus se mova e comece a mostrar por Sua Palavra todos esses mistérios – ou – todo o mistério que dá a fé à Noiva para o rapto, ore muito por seu pastor. Talvez você pense:

“Mas tanto tempo que já levamos, desde 63, e ainda não nos fomos? O Senhor demora a vir.”

Não. Você demora em se preparar; você demora em conhecer sua posição.

    – “Mas, e por que já não nos disseram isto?”

Veja. Quem sabe, você possa dizer:

– “Mas se a revelação vem aos pastores, pois já deveriam nos ter dito o que é.”

Bom, e talvez você não tenha orado o suficiente por seu pastor para que ele entre em desespero, para que então ele receba a revelação, e lhe diga: “Isto é isto! Este é o mistério que se necessita conhecer; o qual está aí, revelado, já dado pelo profeta.”

Então, a posição é orar pelos ministros. Orar, orar e orar. Não quebre a cabeça em averiguar nada, porque a revelação a quem vem é: aos pastores.

O profeta disse que não se ponham a tratar de imaginar as coisas.

Você sabe o que isso produz? Isso é quebrar a cabeça. Quem quebra a cabeça fica mal da cabeça, porque o que não corresponde a uma pessoa fazer (e ainda mais nas coisas espirituais de Deus), isso é buscar problemas com Deus.

Agora, eu digo como digo aos irmãos de Ponce: Não quebrem a cabeça. Deus disse que a revelação vem aos pastores. Pois Deus a dará aos pastores; vai descer a eles.

Portanto, não quebre a cabeça. Quebre o joelho. Quebre o joelho, orando pelos ministros, pelos pastores; para que todos entremos nesse desespero, que: “O conseguimos agora ou nunca!”

Veja, agora mesmo você já não sabe se terá gasolina para vir ao culto do domingo. Você não sabia disso? O que lhe parece? E se agora as coisas ficarem mais apertadas para nós? Mas tudo é para bênção.

Bom, e eu lhe diria nesta manhã: E se a maioria de vocês não tiver gasolina para vir, e não puderem vir, e venham cinco ou dez aqui, e nesse dia que venham cinco ou dez seja o dia em que se revele tudo? Ouçam! Então sim que o problema é grande para você, verdade?

Bom, isso deveria nos pôr em desespero. Ver como está o ambiente: ver greve por aqui, greve por ali, e saber que o profeta disse que um dia vão fechar nossos tabernáculos. 

Deveríamos chegar aonde devemos chegar antes que nos fechem as portas. Deveríamos chegar antes que se torne difícil, impossível para nos reunirmos todos juntos; porque depois que nos fechem os locais, daí pra frente eu não sei o que vamos fazer.

Não sabemos o que vamos fazer com vocês e vocês conosco. Eu não sei. O que eu sei é que é preciso chegar a certo lugar; e quando cheguemos aí, daí pra frente o Senhor sabe o que Ele vai fazer.

Agora, nós devemos saber que temos que chegar a certo lugar, a certa posição e estar clamando ao Senhor pela revelação para o rapto; porque Ele disse que nos daria.

Mas o Senhor não dá nada até que a pessoa esteja realmente clamando, e desesperada por receber isso que Deus prometeu. Não, não pode vir nada.

Portanto, é melhor desesperar agora, e não desesperar quando não tenhamos nada.

Agora, de uma maneira ou de outra vamos receber o que Deus nos prometeu; de uma maneira ou de outra vamos receber a fé para o rapto; e de uma maneira ou de outra, pois, iremos com o Senhor, porque somos a Noiva.

Ou seja, estas coisas em nenhum momento podem pôr alguma dúvida em você: “Sou da Noiva ou não sou?” Se ainda não tem a revelação para o rapto, a terá; mesmo que tenhamos que passar por onde tenhamos que passar, a teremos, porque Deus a prometeu.


O QUE TEMOS VISTO E OUVIDO

Dr. William Soto Santiago

14 de Julho de 1974

Ponce, Porto Rico

Portanto, fique ao lado da Palavra; fique ao lado do Senhor. Porque ao lado do Senhor você estará seguro; porque o Senhor estará a seu lado. Se Ele é por nós, quem será contra nós?

Quem sabe o que seja pregado seja, talvez, um pouco profundo; talvez seja um pouco difícil para entender com os sentidos humanos; talvez seja algo em que alguns tropecem; mas sabemos uma coisa: que Deus respaldará e vindicará o que é Sua Palavra, não importa que pareça estranho.

Portanto, sabendo que Ele respalda Sua Palavra, estejamos ao lado de Sua Palavra sempre, sempre, sempre; ainda que pareça um pouco estranho para os sentidos. Porém, para nosso coração não parece estranho, é real.

Portanto, creia-a com todo seu coração, porque o sentido seu (o sentido da fé) diz amém! ao que foi falado nesta hora final através do profeta desta hora final. E não se escandalize por nada do que disse o profeta; permaneça fiel ao que foi falado.

Algum dia iremos daqui; e quando formos daqui, então veremos quão necessário era que nos fosse pregada toda a Palavra de Deus.

E também veremos que se tivemos que estar uns quantos anos aqui, foi porque não nos tinha sido pregado tudo o que necessitávamos. Talvez aqui a culpa seja de todos; lançamos a culpa a todos.

Porque se a Noiva não está preparada para o rapto, não se vai; e se a Noiva não está preparada, é porque não foi pregado o que tinha que se pregar; e se não foi pregado, é porque a Noiva não clamou ao Senhor para que Deus lhe dê o que tem que dar.

Portanto, assim todos temos culpa: tanto a congregação como os ministros.

Então, as congregações por não clamarem desesperadamente ao Senhor para que nos dê o que nos falta, então o Senhor não pôde dar a Seus ministros o que tinha que lhes dar; e se alguém sabia algo, ficava calado, com medo de que ao dizer, as pessoas ao não estarem preparadas, então tropeçassem e se fossem. 

Porém, já chegamos a um momento em que Deus começou a revelar a Seu povo tudo o que Ele quer revelar; Ele começou e vai continuar.

Portanto, você esteja preparado; não tropece em nada. Clame ao Senhor; ore ao Senhor para que você esteja preparado. E ore ao Senhor para que o Senhor siga nos dando tudo o que Ele quer nos dar.

Porque Ele nos dará tudo o que necessitamos. E tudo será tão simples que ficaremos maravilhados, como até agora ficamos maravilhados das coisas que Deus já nos deu. Tudo é tão e tão singelo; tudo é tão e tão simples.

A Noiva necessita conhecer tudo o que foi revelado; a Noiva conhecerá como fazer contato com a outra dimensão; a Noiva conhecerá todos esses segredos.

A Noiva conhecerá o segredo de como passar à outra dimensão; a Noiva conhecerá o segredo de como falar a Palavra e que a Palavra se cumpra; a Noiva conhecerá todos estes segredos de como dizer a esta árvore: “Passe daqui para lá!” E passará; a Noiva conhecerá todos esses segredos, porque todos estão revelados na Mensagem da hora.


QUEM DIZEM OS HOMENS QUE É O FILHO DO HOMEM, HOJE?

Dr. William Soto Santiago

17 de Julho de 1974

Estados Unidos

Quando se manifesta em um homem ao qual Ele escolhe para manifestar esse atributo de profeta, então esse homem é conhecido como um profeta porque Deus se manifesta nesta forma e sob esse ministério.

É igual que os pastores: os pastores são pastores pela simples razão de que Deus pôs ministérios – cinco ministérios no meio da Igreja; e um é o ministério de pastor.

Porém, esses são ministérios de Deus, não são ministérios dos homens; são de Deus. E quando Deus põe um desses ministérios (como o de pastor) em um homem, então Deus, que é o Grande Pastor e o Bom Pastor, manifesta-se através desse homem; e esse homem através do qual Ele se manifesta é conhecido pelo ministério de pastor; e assim também são os profetas.

Então, encontramos que quem está pastoreando a você não é um homem, mas o próprio Senhor através de um homem.

...Portanto, há muita carne para as ovelhas do Senhor, para as águias. Orem muito pelos ministros, porque vocês precisam dessa carne, dessa Palavra, para que todos cheguemos à total perfeição e possamos ir desta Terra. Portanto, orem muito pelos ministros.

O diabo tratará de impedir que a Noiva escute tudo o que deve escutar. Mas o Senhor disse que Ele daria a revelação à Noiva; ela a entenderá, e iremos daqui muito em breve.


ROMPENDO A BARREIRA DO TEMPO

Dr. William Soto Santiago

24 de Abril de 1974

Porto Rico

Agora, o profeta diz que quem não estava preparado era o povo. O profeta estava preparado. Deus estava em disposição também. O povo não estava preparado.

Agora, diz que quando o povo começou a clamar... A clamar pelo quê? A clamar pela promessa que Deus havia dado. Então foi que Deus lhes enviou o libertador. E quando o veem: “Ah! Deus! Este é o mesmo que estava conosco!” – “Sim, o mesmo. Já faz tempo que tudo deveria ter ocorrido; e não ocorreu por causa de que vocês não estiveram clamando.”

Foi prometido à Noiva que lhe será dada a revelação para o rapto. Encontramos isso na mensagem do profeta, quando ele diz na mensagem “O Rapto”, na página 13, diz:

“Mas para a Noiva, o rapto é uma revelação. Isto é revelado a ela. (É uma revelação.) A verdadeira Noiva de Cristo está esperando a revelação do rapto.”

Você clame para que desça essa revelação da parte de Deus; que desça completa. Começou a descer, e você sabe disso; todos sabemos; mas não queremos uma parte; queremos que desça por completo para podermos ir daqui; tudo o que corresponde a essa revelação para esta hora.

...Clame ao Senhor: “Senhor, dá-nos o que falta! Senhor, revele a Teus ministros!”

Porque Ele disse que é aos ministros que irá revelar estas coisas; a revelação vem aos ministros.

“Dê a Teus ministros, Senhor, todo o restante da revelação para o rapto, para que eles nos tragam a nós!”

Você a está esperando. Mas não é somente estar esperando-a; é estar clamando para que o Senhor a envie. É preciso saber esperar.

Tem pessoas que esperam assim, com os braços cruzados, ou sentadas; mas o Senhor diz que é: clamando ao Senhor, buscando ao Senhor, para que Ele faça o que Ele prometeu que vai fazer.


RAPTADO PORQUE CAMINHOU COM DEUS

Dr. William Soto Santiago

25 de Outubro de 1975

Ponce, Porto Rico

O rapto depende do quê? O rapto depende de reconhecer a nossa posição. E quando reconheçamos a nossa posição, então acontecerá o rapto. E o irmão Branham (ou, Deus através do irmão Branham), diz: “Assim será algum dia.”

Estas são palavras que nos enchem de regozijo, nos enchem de alegria; porque essa palavra é uma profecia. “Assim será algum dia.”

Isso quer dizer que algum dia haverá um grupinho, haverá um corpo de crentes, que chegará à posição correta, que preencherá as condições que tem que preencher para poderem ser trasladados ou transportados ou raptados à outra dimensão. E observe: isso depende somente de reconhecer a posição.

...Veja você: sempre é preciso estar e se converter na Palavra de Deus para o tempo em que a pessoa vive para cumprir essa Palavra desse tempo; e então a pessoa está preparada para ser raptada.

...Agora, encontramos que a etapa em que estamos vivendo é uma etapa bem delicada. Qualquer pessoa, se não entende a etapa em que estamos vivendo, pode se ofender; porque crê que quem prega está atirando pedras diretamente a fulano e a cicrano. Mas não deve nunca pensar dessa maneira. Antes, deve reconhecer que é a Palavra de Deus que está saindo para benefício de cada um de nós. Porque Deus quer vir a nós em toda Sua plenitude e habitar aí; e primeiro Ele tem que limpar a casa. E se tem algo fora da Palavra de Deus em você, Ele quer tirar isso para que Ele se coloque aí em toda Sua plenitude. Porque, ou está a Palavra ou está a antipalavra em você; as duas não podem estar habitando na mesma casa.


BEM-AVENTURADOS OS QUE NÃO VIRAM E CRERAM

Dr. William Soto Santiago

12 de Janeiro de 1975

Ponce, Porto Rico

Você nunca vai entrar, nem será transformado, pelos sonhos que você tenha; nem por visões, nem por suas imaginações, mas pela Palavra; pela Palavra de Deus. Então, à medida que vamos ouvindo e recebendo essa Palavra, vai acontecendo uma transformação por dentro; e depois se exterioriza o que está por dentro. Assim é que, dessa maneira é que o profeta disse que ocorrerá o que vai ocorrer; ou seja, ao redor dessa Palavra vai se materializando outro corpo.

Então, quando chegue certo tempo, então ocorre a mudança.

Ao redor da Palavra que foi falada a Abraão e a Sara – ao redor dessa Palavra que foi falada (que eles tinham no coração, que a receberam no coração) ao redor dessa Palavra foi se materializando e foi ocorrendo uma mudança em seus corpos; foram sendo rejuvenescidos.

E assim é conosco. Você não espere uma mudança se não tem a Palavra por dentro. Então você não espere o Rapto se a Palavra não está aí. Esta Palavra vai fazendo uma mudança por dentro; e você notará que ninguém tem que estar te empurrando nem obrigando a fazer as coisas do Senhor, senão que, você as faz espontaneamente.

Não terão que estar te obrigando a cantar bem e adorar a Deus de todo coração; senão que, você já ouviu pregada a forma em que Deus deseja que você o faça. E então você, espontaneamente, tem isso por dentro, e o faz. Você não terá que ser obrigado a vestir-se da maneira correta, ou a atuar da maneira correta, porque você já sabe a maneira correta para fazer as coisas.

E agora, isso que está por dentro de você... Você está cheio de amor – do amor de Deus (e Deus é amor, e a Palavra é amor); e está dentro de você; e então você, espontaneamente, começa a atuar sem ninguém lhe obrigar. Por isso aqui não obrigamos a ninguém. Aqui se traz a Palavra como é; e você então se arranja com Deus. Então, se Deus está em seu coração, seu coração está cheio de amor para com Deus. E se está cheio de amor para com Deus, como você vai fazer uma coisa que não agrada a Deus? Não pode. Por que? Porque o amor que há em você o tem cativado; e você ama tanto ao Senhor, que você não quer ofender ao Senhor em nada; e você faz o que agrada a Ele.

Por isso o Senhor disse: “Quem me ama (não precisa estar lhe obrigando), minha Palavra guardará.” Ele o fará de todo coração, espontaneamente. Logicamente é preciso pregar isso. Porque como você vai saber qual é a vontade do Senhor se não for pregado? Mas depois de ser pregado, você já sabe. E ao saber, você já sabe como atuar e atuará de acordo à vontade do Senhor. Você sempre escutará como o Senhor quer que você atue; o escutará sendo pregado. Mas, ninguém estará obrigando a ninguém para que faça de tal ou qual maneira.


UM POUQUINHO E ME VEREIS

Dr. William Soto Santiago

06 de Abril de 1975

Ponce, Porto Rico

Este corpo que você tem, isso não é seu; isso é de Deus. Porque quando você deu sua vida a Cristo, você a deu completa: alma, espírito e corpo. Assim que, saiba como ter esse corpo (que não é seu), saiba como ter o templo do Senhor. Não o tenha fora da ordem da Palavra; tenha-o conforme à ordem da Palavra de Deus para o templo de Deus; porque essa é a casa de Deus. E tem mais. A Bíblia diz: “Quem destruir o templo de Deus, do Espírito Santo, o tal será destruído.”

Tenha cuidado! Saiba que esse é templo do Espírito Santo. Assim que, ponha esse templo conforme à Palavra.

Se conforme a Palavra de Deus, Ele diz que Seu templo (que é você e sou eu) – Ele diz que o templo de Deus (você, como irmão varão) deve viver, deve atuar e deve se vestir de tal maneira; e deve ter seu cabelo de tal maneira e não de outra maneira; então, tenha-o como diz a Palavra. Porque essa é a ordem de Deus para o templo de Deus, para o tabernáculo de Deus, que é esse corpo que você tem.

E vocês, irmãs, se a Palavra diz que esse templo deve estar vestido com tal traje – ou o traje de certa forma, ou de certo comprimento e não de certo comprimento; e o cabelo de certo comprimento; e todas estas coisas; e o rosto em certa forma, e não de outra forma, como as artistas de Hollywood, então saiba como é que Deus diz que Ele quer que você tenha esse templo. E tenha-o da maneira que Ele deseja que o tenha; porque esse é o tabernáculo, o templo de Deus, onde Ele habita. E Ele está habitando aí em primícias, ou seja, uma porção de Deus está aí, a qual é: o Batismo do Espírito Santo. Porém, Ele quer que esteja bem arrumado, porque Ele vai se colocar aí plenamente.

É isso que você quer? Que Ele esteja aí por completo? Ele o quer fazer. Tenha-o arrumado como Ele quer, porque há uma visita por chegar a esse tabernáculo.


A REVELAÇÃO SEMPRE ESTÁ E ESTARÁ VELADA EM CARNE HUMANA

E NOSSA RESPONSABILIDADE

Dr. William Soto Santiago

07 de Dezembro de 1975

Ponce, Porto Rico

Agora, vimos aqui que quando os Trovões emitissem suas vozes, então haveria um grupo que poderia e que tomaria a Palavra completa e a colocaria bem. E então, ao ter toda a Palavra, toda a Mensagem bem colocada, então poderia fazer tudo o que quisesse fazer, porque teria total controle de todas as coisas; porque o poder de Deus está nesse grupinho; e esse grupinho, como sabe colocar bem a Palavra, então sabe usar bem todo o poder de Deus que tem.

O poder de Deus plenamente – todo o poder – está nos escolhidos; nesse grupinho. Porém, somente podemos usar e usamos somente a porção do poder de acordo ao que conhecemos da Palavra. Ou seja, somente se pode manifestar o poder de Deus de acordo ao que já temos colocado bem, com relação à Palavra de Deus.

Por exemplo: temos o poder de Deus plenamente em nosso meio: 100%. Porém, esse poder não funciona a menos que a Palavra de Deus esteja bem colocada; a menos que tenhamos a revelação dessa Palavra, dessa Mensagem.

Então, se você tem a revelação da Mensagem, se você tem 10% dessa Mensagem da hora bem colocada, então, com esses 10% que você tem, você poderá usar somente uns 10% do poder de Deus; somente isso é o que pode se manifestar.

É como – por exemplo: uma torneira, um registro desses que usamos no tanque de lavar roupas, e no banheiro e no chuveiro. Bom, você abre esse registro uns 10% e nada mais (um pouquinho), somente um pouquinho de água pode sair por aí; ainda que aí esteja toda a água que haja; toda a pressão está aí. Porém, somente sairá a quantidade, a porcentagem que pode sair, de acordo às voltas que você der na torneira.

E assim também é com relação ao poder de Deus: de acordo à revelação que você tenha na Palavra, de acordo ao que você já tenha colocado bem: se você colocou bem, se deu bem a volta à Palavra e a colocou bem uns 10%, então sairá uma pressão do poder de Deus por essa torneira, uns 10% e nada mais; não pode sair mais. Se você tem colocado bem – ou – esse grupinho (que vocês já sabem quanto é esse grupinho pequeno), se tem colocado bem uns 25%, uns 25% de poder de Deus sairá por aí. Sairá por onde? Sairá por esse grupinho.

Porque você sabe que a saída do poder de Deus neste tempo (e em todos os tempos) é o grupo de escolhidos de Deus para este tempo; então o poder de Deus sairá por esse grupinho. Se tem uns 25% da Palavra bem colocada, sairá por esse grupinho uns 25% do poder de Deus.

Se quando tenham 50, sairá 50% do poder de Deus. E quando tenham 100% não há limites; então sairá o poder de Deus em toda Sua plenitude, e haverá um controle total: um controle de terra, ar, céu, universo – tudo será controlado pelo poder de Deus manifestado através desse grupinho.

...Não há limites no que Deus pode fazer através de uma pessoa que tem a Palavra colocada em forma correta; e não há limites no que Deus pode fazer através de um grupo que tem a Palavra colocada na forma correta; não há limites.

Ressurreição dos mortos em Cristo: quando Deus queira falar através desse grupo ou dessa pessoa, pode fazê-lo; porque não será nenhuma pessoa falando, senão que, será Deus falando através de carne humana.

Essa pessoa ou esse grupo – essa pessoa (nosso irmão Branham) era um prisioneiro de Cristo, prisioneiro de Deus; não fazia nada, senão o que lhe fosse dito que fizesse. E assim será também este grupinho pequeno que diz aqui, que sabe pôr bem a Palavra, colocá-la em seu lugar. Pega essa Palavra, pega o que os Trovões falaram e sabe colocar cada coisa em seu lugar.

E o que se passa? Tampouco fará nada, a menos que seja Deus falando através deles.

Não fará nada por vanglória, não fará nada para se aparecer, não fará nada por ira, não fará nada pelos sentimentos terrenos. Não. Senão que, antes, o que fará será o Senhor através deles, porque a chave será aberta 100%, e então o poder de Deus fluirá e não haverá limites no que Deus fará com esse grupinho pequeno.

Se tiver que fechar os céus, aí está o instrumento de Deus para falar essa Palavra. Quem? Esse grupinho pequeno. Se tiver que trazer à existência animais, ou comida, ou o que seja, porque se esteja vivendo num tempo de escassez onde todas as portas estejam fechadas para nós conseguirmos alimento, então não haverá nenhum problema, porque aí há um instrumento de Deus: um grupo pequeno de Deus, onde o poder de Deus pode ser manifestado em toda Sua plenitude, porque tem a Palavra de Deus 100% colocada na forma correta.

E se tiver que multiplicar algum alimento que já restasse pouco, não há nenhum problema: Deus o pode fazer através desse grupinho.

E caso se acabe todo o alimento, tampouco haverá problema, porque podem falar a Palavra à existência de tal ou qual coisa, e aparecerá tudo o que seja necessário para a alimentação de nossos corpos terrenos.

Portanto, não haverá nenhum problema. Como quando o povo de Israel estava no deserto: Deus falou a Moisés. Disse-lhe: “Fale isto!” Ou seja, Deus revelou a Moisés o que ele tinha que falar; então Moisés o falou, e apareceu o maná; falou, e apareceram as aves, as codornizes que o povo queria; e também, quando falou para que viessem pragas, vieram pragas.

Ou seja, pode vir bênção para o povo que ama ao Senhor, e pode vir o juízo, falado através desse grupo, para os que rejeitaram o amor e a misericórdia de Deus. E depois, os dois Profetas na grande tribulação se encarregarão do resto. Eles também, lá na tribulação: o que eles falem, acontecerá.

...Agora, vendo que estas coisas são assim, vejamos então o que diz o profeta, na Mensagem titulada “The Lacing of the Clergy” – isto deve ser: “A Adoção da Igreja”. E diz o profeta:

“O Espírito de Deus virá em ministros, com tanto poder, que eles serão como Ele.”

Como quem? Como Deus manifestado em carne, que o vimos algum tempinho atrás; e como foi Deus manifestado em carne há dois mil anos atrás, assim também o Espírito de Deus virá em ministros, e eles serão como era Deus manifestado neste tempo e no tempo passado há dois mil anos.

O que eu quero mostrar-lhes aqui? Estou mostrando que a Palavra se encarnou em Cristo lá, há dois mil anos; depois se encarnou aqui, no sétimo mensageiro; logo, daí passa aos ministros. Vê?

E vai se encarnando nos ministros, e então vão se parecendo a Ele. A quem? A Deus manifestado em carne há algum tempinho atrás. Então essa Palavra vai se encarnando neles, vai fluindo neles e vai passando ao povo; e assim vamos crescendo na encarnação da Palavra em nós.

E à medida que recebemos a Palavra, vamos nos convertendo na Palavra; e a Palavra vai se convertendo em você, e você, na Palavra. Ou seja, a Palavra está se fazendo carne em você, e você está se fazendo a Palavra.


O RAPTO ESPIRITUAL

Dr. William Soto Santiago

07 de Abril de 1975

Ponce, Porto Rico

É por isso que neste momento atual em que estamos, muitas vezes cometemos muitíssimos erros; mas podemos arrumá-los antes de que chegue esse momento de juízo. Porque, assim que chegue esse momento, então o que vem após isso é o quê? A plenitude sobre aqueles que estão bem na Palavra, que têm 100% da Palavra já encarnada dentro deles.

Os que sejam achados tendo 50% de verdade e 50% equivocado, esses serão achados nesse juízo – serão achados muito mal; e virá a Palavra de juízo e de condenação para eles pela Palavra do Senhor.


A INFLUÊNCIA DE OUTRO

Dr. William Soto Santiago

28 de Dezembro de 1975

Ponce, Porto Rico

Agora, recordem uma coisa: depois que algo já está feito carne totalmente numa pessoa, depois podem vir os lamentos: “Ai! Veja! Eu não sabia que isso era a verdade...”

Porém, quando chegou o tempo para isso se fazer carne, foi combatido, para impedir que se fizesse carne em você e em mim e em todos nos quais têm que se fazer carne. Isso então é o espírito do anticristo tratando de impedir que a Palavra se faça carne em nós 100%; porque o diabo sabe que vai levar uma surra quando esteja 100% em nós; e vai ser algo glorioso para nós quando esteja totalmente a plenitude da Palavra já encarnada em nós.

Assim que, o que o diabo combate é a Palavra quando está se fazendo carne em nós; o diabo trata de impedir que não se faça carne em nós isso. Depois que se fez carne já não pode fazer nada; já, depois, a única coisa que se põe a fazer é que crucifica essa Palavra que já está em carne. Vê? Então estão crucificando o quê? A Cristo: a Palavra, em nós.

Agora, é a mesma crucificação; e é a mesma segunda crucificação. A mesma segunda crucificação é a que é efetuada neste tempo, crucificando a Palavra, a Mensagem, a qual está em nós. Não é uma terceira crucificação; é a mesma segunda crucificação; a mesma segunda crucificação sendo efetuada nos escolhidos. É por isso que vocês encontram que o irmão Branham, em algumas ocasiões...

Nessa mensagem titulada “Eu Acuso Esta Geração Pela Segunda Crucificação de Cristo”, ele diz que em 63 a crucificaram; porém, depois, em outras mensagens, mais adiante, você encontrará que ele diz: “A Palavra está pronta para ser crucificada.”

Pois claro! Quando essa Palavra, essa Mensagem, se encarne em um grupinho de crentes, então a crucificarão de novo.


A TROMBETA DO JUBILEU

Dr. William Soto Santiago

17 de Junho de 1976

Pasto, Colômbia

Tem algo melhor para nós, e é: abrir nosso coração para que se encarne essa Palavra que há de trazer; isso é o que nos interessa. E sabemos qual espírito ministerial estará ministrando por trás de carne humana.

E sabemos que, à medida que ele receba a Palavra, será a Palavra. Ou seja, ele não será a Palavra 100% de momento, senão que, vai assim: de momento vem uma parte, e ele será essa porcentagem que receba. Em seguida, ele a prega, e o povo se converte nessa porcentagem também. Depois recebe outra porcentagem mais, e então segue assim; e recebe...

Se é 25%, então a prega, e o povo vem a ser 25% também. Depois recebe um pouco mais, e chega a ser 50%; a prega, e o povo se converte em 50% também. Vê? E assim por diante, até que todos cheguemos a ser a Palavra encarnada. Como? À medida que ele a vá recebendo, vai passando-a para nós, e então seremos o mesmo que ele; seremos como ele: a Palavra encarnada. Sem fanatismos. Vê?


UM NOVO AMANHECER

Dr. William Soto Santiago

25 de Abril de 1976

Por isso lhes digo: a nossa atitude deve ser esta que o Senhor está permitindo que vejamos, e então crescer como indivíduos, cada um. Cada irmão tenha sua esposa ouvindo a Palavra para que ela também cresça espiritualmente; porque ela tem que ouvir essa Palavra. Porque você cresce... Mas é como muita gente diz: “Com dois que se amem muito, basta que um coma.” Aplique isso e veja se funciona. O que acontece? A outra pessoa morre.

Agora, e por que... Se você diz isso, aplique-o; mas ponha a outra pessoa a comer, e você não coma, pra ver.

- “Ah, não!” Verdade que assim a pessoa não quer?

- “Com dois que se amem muito, com um que coma, basta. Assim que, eu vou comer, e a outra pessoa que não coma.”

A outra pessoa vai morrer. E no espiritual também se passa o mesmo. Porém, se eu trato de aplicar isso, pois sempre, pois trato de ser o que come. Verdade? Para não morrer.

Porém, se eu tratasse de aplicar, e dissesse: “Com um que coma, basta. Assim que, vou pô-la (minha esposa) a comer; e eu não vou comer.” O que acontece comigo? Quem vai morrer sou eu; não ela. Assim que, com dois que se amem muito, então o que se passa? Em dois que se amem muito, então os dois, com amor, põem-se a comer os dois juntinhos, em amor; para nenhum dos dois ficar magro e nenhum dos dois morrer; porque a comida é para todos na casa.

Assim que, tanto os irmãos como as irmãs, não tratem – não tratem tampouco de não estar presentes, e dizer: “Eu com a gravação, pois...” Não! Esteja presente. E depois, para refrescar a memória, ouça na gravação. Use a gravação para refrescar a memória; não a use com o propósito de não estar, mas com o propósito de refrescar a memória: “Quero ouvir sobre isto de novo!” Aí está. Vê?

Bom, que o Senhor nos ajude. Isto é um trato individual de Deus com cada um de Seus escolhidos. Portanto, cada um dos escolhidos (seja homem ou seja mulher), é para ele estas coisas.

Portanto, compreendendo estas coisas, então nos esforcemos para ajudar aos demais. Os esposos se esforcem por ajudar suas esposas que creram; para que possam se alimentar com o Alimento que está predestinado para elas também, como para vocês; e chegue à estatura de um varão perfeito.

Tanto irmãos como irmãs, todos chegarão a essa estatura; porque se não chegam, não há transformação nem rapto. Vê?

Então quem se iria? Os que cheguem. E se somente as irmãs são as que chegam, pois somente as irmãs se vão no rapto. Vê? Assim que, não há varão nem fêmea no Senhor, no Reino.

Assim que, aqui nessa parte não há varão nem fêmea. Tanto um como o outro está chamado a comer o que há para chegar à estatura que tem que chegar. E ninguém estorve o crescimento espiritual de cada um dos irmãos ou das irmãs.

Assim que, isto é de ajuda nesta manhã para cada um de nós, se queremos ajudar a nossos irmãos, ou queremos ajudar nossa família; ou as esposas querem ajudar a seus esposos; ou os esposos às suas esposas.

Então ajudem-nas de tal maneira que possam estar presentes para receberem o que haja que receber.

E como indivíduo cada qual responderá diante do Senhor, e crescerá como indivíduo; porque o crescimento é individual. Vê? Eu não posso crescer por você, e você por mim. Você cresce por você, eu cresço por mim; e cada qual cresce individualmente; porque é um crescimento individual até chegar à estatura perfeita: à estatura de Cristo. E tanto as irmãs como os irmãos terão o quê? Terão a plenitude de Deus.


O PODER DA RESSURREIÇÃO

Dr. William Soto Santiago

15 de Fevereiro de 1976

Cayey, Porto Rico

Se você é a Palavra, como vai rejeitar a Palavra? Por isso é que Deus diz através do irmão Branham que os escolhidos não podem ser enganados: porque eles são a Palavra. Portanto, eles não podem receber outra coisa, senão: a Palavra.

E o irmão Branham diz que você e eu não recebamos nem creiamos nenhuma outra coisa, senão: a Palavra; não importa de quem venha o que vier; se não é a Palavra, você e eu estamos ordenados a não o receber; isso não pode se enquadrar com o que há aí dentro; porque o que há aí dentro é a Palavra; então isso somente se enquadra e aceita a Palavra.

Portanto, a Palavra tem que ser falada para então você poder recebê-la, poder aceitá-la.

E depois que a aceita, e essa Palavra está dentro de você, começa a se materializar, começa a operar em sua vida; e então você começa a ver em sua vida, uma vida conforme a essa Palavra que você aceitou.

Então, observe. É algo simples como a Palavra opera dentro do indivíduo. Você tem visto os resultados. Você tem visto o produto dessa Palavra. Você tem visto o poder da ressurreição se manifestando em você; e agora é que estamos nos dando conta do que tem se passado dentro de nós.


AS TRÊS ETAPAS DE SUA VINDA

Dr. William Soto Santiago

04 de Março de 1976

Ponce, Porto Rico

O que Ele faz? Ele é a Palavra. Então, para colocar-se em você e em mim, não podia colocar-se estando em carne humana no irmão Branham. Isso foi o mesmo que o Senhor disse quando esteve aqui. Ele disse: “Eu tenho que ir, para que o Espírito possa vir.” Vê? “Eu tenho que ir. Portanto, seu eu não fosse, pois Ele não poderia vir. Portanto (Ele também disse), eu estarei convosco e em vós. Portanto, eu virei a vós.”

Era o mesmo, porém, vindo depois em forma de Espírito. Vê? Então, estando Ele em carne humana, em nosso amado irmão Branham, não podia colocar-se dentro de nós. Então, Ele tinha que desaparecer de cena na forma física, e então regressar. E Ele é a Palavra. Se a Palavra vem, pois está vindo o Senhor. Vê? E tudo isso é a Segunda Vinda do Senhor.

Então, se o Senhor vem... Observe: veio em carne humana, e agora, quando vem para tratar conosco como indivíduos, vem em forma de Palavra, para tomar carne. Lá estava em carne, e teve que soltar a carne para vir em forma de Palavra; para depois tomar carne; para nos levar à mesma posição em que estava aquela carne em nosso irmão Branham; para nos levar a essa mesma posição e a essa mesma perfeição; ou seja, tinha que se desencarnar para voltar a se encarnar.

Isso foi o mesmo que fez o Senhor Jesus Cristo: Deus estando nele, em carne, teve que deixar de trabalhar através dessa carne para depois vir a tomar outra carne: o corpo dos escolhidos do Senhor. E isso mesmo é o que faz neste tempo.

Então, observe. Deus em Jesus, percorreu aquele caminho através de carne humana naquele jovem chamado Jesus de Nazaré; e depois voltou a percorrer o mesmo caminho através dos discípulos. E é a mesma coisa nos escolhidos predestinados deste tempo final em que estamos.


A HORA MAIS ESCURA

Dr. William Soto Santiago

11 de Março de 1976

Porto Rico

Então, todos esses ministérios têm que ser colocados aí para a perfeição de todos os escolhidos. Observe: se os demais não estão de acordo, o que acontece? Então, pois, cada pastor diz: “Não, não, não. Eu não estou de acordo com isto, nem estou de acordo com aquilo.” Então, o que acontece? Então os indivíduos que há aí nunca podem chegar à perfeição.

Porém, se o pastor vê a Palavra, vê a Cristo mesmo em forma de Palavra, em forma de Mensagem, e diz: “Esse é o Senhor!” E então, deixa que essa Palavra que esteja dentro dele, dentro do coração, encarnada – e então vem, e deixa que saia por seus lábios – então sai por seus lábios para quê? Para você, e para todos os que estão sentados, esperando que venha para se encarnar dentro deles. Não pode se encarnar em nenhum indivíduo se não se encarna primeiro em ministros. Essa é a forma. Pôde se encarnar na Noiva antes de se encarnar em um ministro, em nosso irmão Branham? Se não pôde lá, não se pode aqui tampouco. Portanto, estamos chamados a ver a Deus em forma de Palavra, em forma de Mensagem, encarnando-se primeiramente nos ministros (no ministério); e depois se encarnando em você, à medida que você a recebe. Esse é o plano. Não há outro plano. Não pode se encarnar em nenhuma pessoa sem antes se encarnar em ministros. E tem que se encarnar nos ministros que tenham sido escolhidos para que se encarne neles primeiro; e depois passar aos irmãos que não são ministros. Não há outra forma; não há outro plano. Portanto, nós devemos reverenciar essa Palavra; devemos apreciar o que Deus está fazendo; e devemos então estar sempre submissos à Palavra. Porque tudo o que é bom e grande e glorioso que Deus tem, o tem para você como indivíduo; e essa é a forma em que Ele o dará a você.

...Porque realmente Ele tem mais desejo de terminar de encarnar plenamente em você, que o próprio desejo – mais que o que você tem. E você tem desejo de que se encarne por completo; você tem desejo de que venha tudo o que tem que vir, e seja conhecido tudo o que tem que ser conhecido, e que fique encarnado em você. Porém, Ele tem mais interesse que você. Ele tem mais interesse que você, por quê? Porque assim que essa etapa esteja terminada, o que é que você crê que vem? Pois, o que vem é nada menos que a transformação e translação literal.

Porque, observe. Com tudo o que temos, com tudo isso, temos provas, temos problemas. Porém, depois já isso vai ser tirado. Assim é que, o que Ele deseja é levá-lo daqui. E quanto mais breve seja feito e efetuado, e concluída esta etapa de Deus operar conosco como indivíduos, mais breve iremos daqui.


O AVIVAMENTO DO ESPÍRITO SANTO

Dr. William Soto Santiago

18 de Março de 1976

Porto Rico


Observe como entrou. Ele entrou por esse mesmo caminho. Nos fala acerca do futuro Lar da Noiva, falando-nos nesta linha de santa convocação, de casamento. O casamento da Noiva com Cristo também, e de todas estas coisas maravilhosas que temos estado ouvindo; e de como a Palavra está se encarnando em nós. É o Espírito Santo, é o mesmo Cristo, é o mesmo Deus se encarnando em nós.

Lá Ele estava em carne, e revelando-se através de carne, para depois partir – ou – tirar a carne, e depois vir e se encarnar em nós.

E agora, estamos vivendo o processo da encarnação de Deus em nós. Você pode ver isso? Bom, é dito na Palavra que os crentes podem ver a Deus feito carne hoje; os outros não.

Agora, não somente ver que se fez carne lá; o crente também agora pode ver a Deus se fazendo carne em si mesmo, em você mesmo. Se você não pode ver a Deus se fazendo carne em você, e na forma em que está se fazendo carne... Porque Ele veio em forma de carne. Não podia se encarnar em você e em mim, estando Ele em um véu de carne.

Como ia colocar-se com todo o véu de carne dentro de nós? Não podia. Tinha então que ser tirado o véu de carne. E como Ele e a Palavra são o mesmo, então tinha que vir em forma de Palavra, em forma de Mensagem para poder se colocar em você e em mim. Em forma de Mensagem. E a Palavra (que é Deus) se fazer carne em você, e a carne se fazer Palavra. A Palavra está se fazendo carne em você e em mim. E você e eu estamos nos fazendo – ou, estamos nos convertendo – na Palavra. Assim que, observe: é o mesmo processo se repetindo.

A Palavra que estava em carne, desencarnou-se, e agora está se encarnando de novo. É o mesmo plano, o mesmo processo; porém, temos que ver como funciona tudo isto, porque a plenitude da Palavra é a revelação dos Selos. Então a plenitude da Palavra, a plenitude da revelação dos Selos está vindo para se encarnar em nós. Não estamos falando de outra coisa, senão, de tudo o que já foi revelado. Ninguém tem nada para revelar. É o mesmo Senhor vindo agora em forma de Palavra, em forma de Mensagem (porque Ele é a Palavra), para tomar carne: a sua carne e a minha carne. E para fazer isso, pois, tem que começar. Se não começa, nunca vai se fazer carne em ninguém. Então, se vai se fazer carne em nós, tem que começar por algum.


A TROMBETA DO ANO DO JUBILEU

Dr. William Soto Santiago

14 de Maio de 1976

Porto Rico

É por isso que encontramos na mensagem titulada “O Sinal”, que Deus nos diz aí, que quando viemos a ser a Palavra...

E como viemos a ser a Palavra? Viemos a ser a Palavra à medida que ouvimos a Palavra e a recebemos; então vamos nos convertendo na Palavra e a Palavra vai se fazendo carne em você e em mim. E diz que quando viemos a ser – ou nos convertemos – na Palavra, diz: “Então toda Palavra (ou toda a Palavra) nos obedece.”

Sabe o que isso quer dizer? Primeiro nos convertemos na Palavra e, depois de sermos a Palavra, a Palavra em carne humana (na sua carne e na minha), então você vem a ser a Palavra.

Então, ao ser a Palavra (e Deus é a Palavra), então essa Palavra que está encarnada em você pode sair através de seus lábios; e quando sai (não seus pensamentos, mas a Palavra), então tem que fazer o que haja saído de lábios humanos.

Por exemplo: O Senhor dizia: “Seja isto!” E tinha que ocorrer. Por que? Porque Ele era a Palavra feita carne. E o que estava saindo dele não eram pensamentos humanos, mas os pensamentos de Deus falados através de lábios humanos.

E assim foi em nosso amado irmão Branham; e assim será em quem? Nos que foram convocados aí na Era da Palavra. Assim será com cada um dos escolhidos. Assim será com as águias do Senhor. Porque estão recebendo o quê? Estão recebendo toda Sua propriedade. E diz que cada um voltaria à sua família. Isso é grande! Cada qual regressará à sua família.


O SOL PARA MADURAR O TRIGO

Dr. William Soto Santiago

03 de Junho de 1976

Porto Rico

E eu creio que uma das coisas nas quais temos que ter muito cuidado, é no uso da Palavra de Deus. E mais: toda coisa que a pessoa possa resolver aqui, a pessoa a deve resolver, e deixar o poder de Deus e a Palavra quietinha, para realmente em caso de necessidade. Vê? Porque não é para lhe dar mau uso, nem para exibições, nem para nada disso. Vê? E mais: o irmão Branham, para ele mesmo – ele, antes, dizia: “O dom é para outros.” E mais: o irmão Branham muitas vezes (ou na maioria das vezes), alguns dos problemas que tinha, os tratava de resolver aqui, sem utilizar o que ele tinha nas mãos. Vê?

Bom, isso quer dizer muito para nós, e é: que não façamos mau uso de uma coisa tão boa à medida que vai se encarnando em cada um de nós. E não seja que você venha a se desiludir porque queira, com 50% da Palavra que está encarnada em você, queira fazer uma coisa que tem que ser feita com 90% ou com 75%. Vê? Deve ser a medida que vá se encarnando.

Você sabe o que pode fazer e o que não deve fazer. Então, tudo que seja feito, seja para a glória do Senhor, não para a sua glória. Pense antes de fazer algo e de usar a Palavra; sempre pense na glória do Senhor e em que há de beneficiar as coisas do Senhor.

Agora observe. Por isso o Senhor disse ao irmão Branham: “Olha, vigie o que fala.” E recorde que o poder de Deus será manifestado pela Palavra falada. Portanto, vigie o que você fala à medida que vai se encarnando a Palavra, para que não saia de seus lábios o que não deve sair de seus lábios.

Agora, imagine! Qualquer coisa que Adão dissesse, cumpria-se; qualquer coisa que o Senhor Jesus Cristo dissesse, cumpria- se; qualquer coisa que o irmão Branham dissesse, cumpria-se. Fosse bênção ou fosse maldição, fosse bem ou fosse mal; falava e tinha que ocorrer.

E mais: vocês sabem, quando Eliseu teve um problema e se sentiu mal, amaldiçoou aqueles rapazes (42 rapazes) e foi maldição (e veio maldição): dois ursos vieram e comeram aqueles rapazes; os mataram.

Assim que, imagine! Não é qualquer coisa a que está ocorrendo em você! É a encarnação da Palavra que está encarnando-se em você, está formando-se em você; porque regressamos ao Éden. Veem? A Noiva regressou ao Éden. E então, os filhos que a Noiva dá à luz, são filhos de quem? Não do primeiro Adão, porque ele caiu; antes, são filhos da Palavra; então, do segundo Adão. Então encontramos que, se são filhos da Palavra, então são filhos, herdeiros do Título de Propriedade.

...Estaremos aqui na Terra por um curto tempo depois que cheguemos a ser a Palavra encarnada 100%. Depois estaremos um tempo bem curto. Será bem curto, mas estaremos aqui.

E então, realmente esse Título de Propriedade que nos tem sido colocado em nossa mão, depois o saberemos usar. Vai ser um tempo bem curto. E então isso será um testemunho de que os filhos verdadeiros de Deus regressaram ao Éden de novo e de que já todos os problemas foram resolvidos e de que o Milênio já está por começar. Vê você?

Porque então haverá nesta Terra um grupo de filhos restaurados completamente e nascidos no Jardim do Éden. E nascidos de quem? Do Esposo e da Esposa. Filhos aí no Jardim do Éden que não verão morte, porque são eternos; e eles comem da Árvore da Vida, e então não podem ver morte.

Por isso antes era proibido estender a mão e comer; mas agora, é ordenado:

“Quem quiser viver, estenda sua mão, e coma; porque há oportunidade para todos comerem e viverem por toda a eternidade.”

Assim que, encontramos nesta hora que nós estamos vivendo, que haveria uma grande Luz que haveria de brilhar, que haveria de aparecer, que haveria de surgir; e isso não é outra coisa, senão: a Luz da manhã, a Luz do novo dia aparecendo; e é a mesma Luz da tarde.

É a mesma Luz da tarde: nada a acrescentar nem nada a tirar. A mesma Luz. Porque o mesmo Sol do leste é o mesmo Sol do oeste; o mesmo Sol que se oculta é o mesmo Sol que sai. Vê?

Agora, então encontramos que nós queremos madurar, porque somos trigo.

E agora, sabendo que há uma forma para madurar (uma só forma), e é através do Sol da Justiça nos iluminando para madurar. E não queremos ser madurados artificialmente, senão que, queremos ser madurados com a Luz do Sol. Vê?

Portanto, esperamos da parte do Senhor que Ele nos madure em toda a Palavra, no conhecimento de tudo o que devemos de conhecer, para que assim então possa ser visto em cada um de nós (em todos esses que madurem) o mesmo que foi visto em Adão: o Título de Propriedade. O vimos em Jesus.

E agora, o que vimos no irmão Branham, queremos vê-lo em nós também. Vimos a amostra. Agora, queremos ver o quê? Queremos ver completo. Portanto, esperemos da parte do Senhor que Ele nos ajude nesta hora final em que estamos para que Ele possa realizar em nós o que Ele deseja fazer em cada um de nós. Ele está mais interessado que você mesmo. Porém, você tem que estar interessado também.


A VISÃO DO TABERNÁCULO

Dr. William Soto Santiago

17 de Junho de 1976

Pasto, Colômbia

Então a Palavra virá gradualmente, ou seja: ele não será a Palavra em plenitude quando comece; ele virá a ser a Palavra em plenitude quando termine. Vê? E não somente isso. Os que terminem com ele também, ao terminarem, virão a ser a Palavra em Sua plenitude, como diz Apocalipse, que são: a Palavra, que vem em cavalos brancos com Ele.

Então, vemos que assim será com Moisés: à medida em que ele recebe a Palavra, vai se convertendo na Palavra. É como da boca de Deus a Moisés; como foi lá, será aqui também. Porque a boca de Deus é quem? Elias. Então é da boca de Elias. E o que saiu da boca de Elias? A Palavra. E o que saiu da boca de Elias (o qual já o temos), então passará e virá ao coração de outro; e, ao vir ao coração de outro, então depois o expressa falando-o ou pregando-o; e isso será a mesma Palavra que saiu da boca de Deus, que é Elias. Vê você?

Então nele, assim como em nós, a Palavra irá se encarnando gradualmente. Vê? À medida que vem e é recebida, então se encarna. Vem a quem? A Palavra vem a quem? Aos profetas. Então, primeiro vem a Moisés; a recebe... De onde vem? A Palavra está aqui. Vê? Veja: está aqui a Palavra. Toda a Palavra está aqui; não tem que ir buscá-la em nenhum outro lugar. Tudo está aí. A única coisa que necessita é que, à medida que está vendo a Palavra, Deus lhe permita ver o que significa isso que está vendo.

Então ele terá uma visão celestial; e a visão será: a visão da Palavra. Então ele terá a visão dessa Palavra e verá o que significa essa Palavra. E quando a vê, ele diz: “Amém! Eu a recebo!” E quando diz assim, então se encarna nele. E em seguida, vem e se para e a prega, e quando você diz: “Eu a vejo também! Amém! Eu a recebo!” Se encarna em você também.

0.0
Última Modificação: sexta 04 dezembro 2020 12:06
Artigos Relacionados: UMAS PALAVRAS À NOIVA DE CRISTO - EXORTAÇÃO O LIVRO MISTERIOSO - VOLUME 2 - EXTRATOS O LIVRO MISTERIOSO - VOLUME I - EXTRATOS
william soto santiago

Sem comentários ainda...

Deixe um Comentário

Seu e-mail não será publicado, fique tranquilo.