Leituras Online  

O QUE OCORRE AO FINAL DA TROMBETA

0 Comentáros
286
17 Mar 2021

O QUE OCORRE AO FINAL DA TROMBETA

Dr. William Soto Santiago

Segunda, 12 de Abril de 2010

El Paso, Texas, Estados Unidos

Muito boa tarde (ou boa noite), amáveis amigos e irmãos presentes, e os que estão através do Satélite Amazonas. Para mim é um privilégio grande estar com vocês nesta ocasião.

Para esta noite, leremos em Primeira de Coríntios, capítulo 15, do versículo 49 em diante. Diz:

“E, assim como trouxemos a imagem do terreno, assim traremos também a imagem do celestial.

E agora digo isto, irmãos: que a carne e o sangue não podem herdar o reino de Deus, nem a corrupção herdar a incorrupção.

Eis aqui vos digo um mistério: Na verdade, nem todos dormiremos, mas todos seremos transformados;

Num momento, num abrir e fechar de olhos, ante a última trombeta; porque a trombeta soará, e os mortos ressuscitarão incorruptíveis, e nós seremos transformados.

Porque convém que isto que é corruptível se revista da incorruptibilidade, e que isto que é mortal se revista da imortalidade.

E, quando isto que é corruptível se revestir da incorruptibilidade, e isto que é mortal se revestir da imortalidade, então cumprir-se-á a palavra que está escrita: Tragada foi a morte na vitória.”

Que Deus abençoe Sua Palavra em nossos corações e nos permita entende-la.

 “O QUE OCORRE AO FINAL DA TROMBETA.”

Ou seja, o que ocorre ao final desta Trombeta Final.

O apóstolo Paulo diz: “Eis aqui vos digo um mistério.” Portanto, este é um dos grandes mistérios divinos que há de ser cumprido no meio do cristianismo, e que vai trazer grandes bênçãos para os cristãos, para os crentes em Cristo. Aqui nos diz que a carne e o sangue não podem herdar o Reino de Deus, nem a corrupção herda a incorrupção. Ou seja, não podemos viver eternamente no Reino do Messias com estes corpos mortais; pelo qual soará a Trombeta – essa Trombeta Final – e então os mortos em Cristo serão ressuscitados incorruptíveis, ou seja, em corpos glorificados, e os que vivemos (crentes em Cristo) seremos transformados.

É um mistério grande, porque esse é o tempo onde se obterá a imortalidade física.

Na ciência humana o ser humano, todavia, não tem podido chegar aos 500 anos; através da ciência humana, estendendo o tempo de vida do ser humano; mas através da ciência divina, no tempo final, quando houver soado a Trombeta Final, obter-se-á a imortalidade. Mas não todo mundo, senão, os crentes em Cristo nascidos de novo, representados nas virgens prudentes.

Portanto, é um mistério grande. Tão grande que se obterá a imortalidade física; coisa que a ciência tem desejado obter. Porém, os seres humanos crentes em Cristo vão obter essa imortalidade física conforme ao Programa Divino, e será para o tempo final, que é onde soa a Trombeta Final; e o grupo de crentes do tempo final será quem estará vivo (a maioria deles) para serem transformados.

E agora, sendo que este é um mistério muito grande do Reino de Deus, temos que compreender que está ligado ao mistério do Sétimo Selo, que é o mistério da Segunda Vinda de Cristo.

E como podemos compreender que está ligado à Vinda do Senhor para o Último Dia? Fácil! Podemos comprovar.

Filipenses, capítulo 3, do versículo 20 ao 21, dá a conhecer que isso será para o tempo da Vinda do Senhor:

“Mas a nossa cidadania está nos céus, de onde também esperamos ao Salvador, ao Senhor Jesus Cristo,

Que transformará o nosso corpo de humilhação, para ser conforme o seu corpo glorioso, segundo o seu eficaz poder de sujeitar também a si todas as coisas.”

Aqui São Paulo nos mostrou que a transformação é para o tempo da Vinda do Senhor, ao qual estamos esperando. Outro lugar que nos dá testemunho disto, é em Primeira de Tessalonicenses, capítulo 4, do versículo 13 em diante:

“Não quero, porém, irmãos, que sejais ignorantes acerca dos que já dormem, para que não vos entristeçais, como os demais, que não têm esperança.

Porque, se cremos que Jesus morreu e ressuscitou, assim também aos que em Jesus dormem, Deus os tornará a trazer com ele.”

Na Vinda do Senhor para o Último Dia, Cristo em Sua Vinda trará com Ele aos crentes que dormiram, ou seja, que morreram fisicamente; porque passará pelo Paraíso, onde eles estão, e os trará, e lhes dará um corpo novo, eterno, imortal, incorruptível e glorificado; ou seja, os ressuscitará.

Fez isso também com os santos do Antigo Testamento: quando Jesus Cristo ressuscitou, Ele tinha passado pelo Paraíso, e trouxe com Ele aos santos do Antigo Testamento, os quais se levantaram de seus sepulcros, de suas tumbas, e apareceram a muitos na cidade depois da ressurreição de Jesus Cristo; saíram dos sepulcros depois que Jesus Cristo ressuscitou.

Ou seja, Cristo vindo do Paraíso (onde estavam Abraão, Isaque e Jacó), trouxe em Sua ressurreição com Ele aos santos que lá estavam. E para este tempo final, Cristo vindo do Céu, passando pelo Paraíso, onde estão os crentes nele que morreram fisicamente em tempos passados (e alguns dos nossos que partiram), os trará com Ele em Sua Vinda, e os ressuscitará em um corpo eterno e glorificado, e então serão imortais fisicamente; e depois, nós que vivemos, seremos transformados.

Vamos continuar lendo aqui. Versículo 15:

“Dizemo-vos, pois, isto, pela palavra do Senhor: que nós, os que ficarmos vivos para a vinda do Senhor, não precederemos os que dormem. (Ou seja, não vamos ser transformados antes da ressurreição dos mortos em Cristo.)

Porque o mesmo Senhor descerá do céu com alarido, e com voz de arcanjo, e com a trombeta de Deus; e os que morreram em Cristo ressuscitarão primeiro.

Depois nós, os que ficarmos vivos, seremos arrebatados juntamente com eles nas nuvens, a encontrar o Senhor nos ares, e assim estaremos sempre com o Senhor.

Portanto, consolai-vos uns aos outros com estas palavras.”

São palavras de conforto para os crentes em Cristo, sabendo que vem um momento em que os crentes que partiram serão ressuscitados em corpos glorificados e, os que vivemos, seremos transformados; e tudo isso é na Vinda do Senhor, onde Ele estará soando, tocando a Trombeta Final.

Agora, estas são coisas que estarão ocorrendo no tempo da Trombeta Final – ante a Trombeta Final – quando haja soado essa Trombeta.

E o que é a Final Trombeta ou Trombeta Final? É a Voz de Cristo falando no Último Dia, assim como esteve falando através dos profetas do Antigo Testamento; como também esteve falando através de Jesus Cristo, a Voz de Deus, a Voz do Espírito Santo, através de Cristo, falando; depois falando através de São Pedro, São Paulo e os diferentes mensageiros na Igreja do Senhor. Assim também a Voz de Deus, por meio do Espírito Santo, estará falando no Último Dia.

Agora, como esteve falando durante o tempo dos apóstolos e dos sete mensageiros das sete eras? Como esteve falando nesse tempo? O Espírito Santo (Deus por meio de Seu Espírito, Deus por meio do Anjo do Pacto) esteve falando com a Mensagem do Evangelho da Graça, através do qual foi revelado à humanidade o mistério da Primeira Vinda de Cristo e Sua Obra de Redenção na Cruz do Calvário (realizada por Cristo); e a Obra de Redenção realizada na Cruz do Calvário para salvação e vida eterna dos seres humanos, para que assim todos os seres humanos tenham um sacrifício de expiação por seus pecados.

E para o Último Dia, com a Trombeta Final, estará falando a Mensagem do Evangelho do Reino, do qual Cristo diz:

“E este evangelho do reino será pregado em todo o mundo, para testemunho a todas as nações; e então virá o fim.” (São Mateus, capítulo 24, versículo 14.)

E em Apocalipse, capítulo 14, do versículo 6 ao 7, aparece um anjo com o evangelho eterno (que é o Evangelho do Reino) para prega-lo aos moradores da Terra. E vamos ler para que tenham aqui o quadro claro:

“E vi outro anjo voar pelo meio do céu, e tinha o evangelho eterno, para o proclamar aos que habitam sobre a terra, e a toda a nação, e tribo, e língua, e povo.” (Capítulo 14, versículo 6, do Apocalipse.)

Esse Mensageiro vem com o Evangelho do Reino (o Evangelho Eterno), para prega-lo a todos os moradores da Terra; e se tem que prega-lo a todos os moradores da Terra, então onde tem que estar? Pois, na Terra.

“Dizendo com grande voz (essa é a Grande Voz de Trombeta): Temei a Deus, e dai-lhe glória; porque a hora do seu juízo chegou.”

Ou seja, vem dizendo às pessoas, povos, nações e línguas que adorem a Deus, que deem glória a Deus, porque a hora do Seu juízo chegou; ou seja, o tempo em que Deus vai julgar à raça humana.

Recordem que este é um tempo paralelo ao de Noé, ao de Ló e também ao de Jesus. No tempo de Noé a humanidade (o mundo pré-diluviano) estava no tempo do juízo divino, na hora em que Deus julgaria à humanidade daquele tempo; porém, tinha um Profeta dispensacional que estava anunciando, dando a conhecer o que ia acontecer – cressem ou não cressem.

Não era responsabilidade desse Profeta que as pessoas cressem; sua responsabilidade era dar a conhecer as coisas que iam acontecer; dar a conhecer que a hora do juízo divino para o mundo pré-diluviano havia chegado. E outra: construir uma arca que Deus lhe disse que fizesse para ele e sua família entrarem; e também animais, répteis e aves serem colocados ali para serem salvos. Estava também fazendo uma obra: isso era a Obra de Deus; era uma obra de fé; era a fé de Noé expressada em forma de uma arca que Deus lhe disse que fizesse.

Portanto, ele cria no juízo que viria (o dilúvio), e cria também que ele e sua família seriam salvos na arca, porque Deus assim o dissera.

No tempo de Ló também o povo – ou, estas cidades de Sodoma e Gomorra e cidades vizinhas haviam chegado à hora do juízo divino; e Deus disse a Abraão que vinha o juízo sobre essas cidades. E os Anjos que acompanharam a Eloim (quando Eloim visitou a Abraão e comeu uma bezerra tenra com Abraão), encontramos que, depois que esses Anjos almoçaram com Abraão, depois dois (dois deles: Gabriel e Miguel) foram para Sodoma, para visitarem, para destruírem a cidade; mas Ló apareceu, pelo qual Abraão estava orando a Deus.

É por isso que nessa conversa que Abraão tem com Deus (e Deus com Abraão), pois Deus diz aí pelo capítulo 18 do Gênesis: “Encobrirei de Abraão o que eu vou fazer?” Recordem que: “Não fará nada o Senhor, sem que antes revele Seus segredos a Seus servos, Seus profetas.” (Amós, capítulo 3, versículo 7.)

E Deus não podia destruir a Sodoma e Gomorra sem o notificar a Seu Profeta Abraão, o qual é um Profeta Mensageiro dispensacional, do qual Deus diz: “Meu amigo, Abraão.”

E agora, quando os Anjos chegam a Sodoma, dizem a Ló: “Saia desta cidade, porque viemos a destruí-la (para destruí-la).”

Os Arcanjos Gabriel e Miguel chegaram ali para destruírem aquela cidade, juntamente com outras cidades vizinhas, pela condição pecaminosa em que estavam diante de Deus.

Recordem que este planeta Terra pertence a um reino celestial. Todos os sistemas solares, todas as galáxias – tudo pertence a Deus; e Deus, através de Cristo, o Anjo do Pacto, tem governado toda a Criação. Porém, neste planeta Terra, o ser humano que Deus colocou à Sua imagem e semelhança saiu da Palavra de Deus; depois vieram muitos problemas à raça humana.

E agora, naqueles dias, estas cidades de Sodoma e Gomorra estavam fora da ordem divina e tinham chegado ao ponto em que Deus tinha que destruir aos moradores dessa terra; o cúmulo da maldade deles tinha chegado ao máximo.

E agora, podemos ver que o que aconteceu no tempo de Noé e no tempo de Ló é um tipo e figura da condição em que estaria a humanidade neste tempo: em que a humanidade estaria no tempo da Vinda e para a Vinda do Filho do Homem. Por isso Jesus Cristo disse que como foi nos dias de Noé e como foi nos dias de Ló, assim será o dia em que o Filho do Homem virá, em que o Filho do Homem se manifestará, se revelará; e estamos vendo as mesmas condições do tempo de Noé e do tempo de Ló no meio da humanidade.

Agora, encontramos a Noé, o qual tinha a Palavra de Deus, a Mensagem de Deus; e nessa Mensagem estava a misericórdia de Deus para Noé e o juízo divino para o mundo.

Na Mensagem do tempo de Ló estava a Palavra de juízo divino para essas cidades e a Palavra de misericórdia para Ló e sua família. Abraão tinha a Palavra de Deus; essa Palavra foi falada pelo próprio Deus quando o visitou.

Agora, isto nos mostra que estará a Palavra de Deus; Deus estará visitando a Seu povo no tempo final; Deus estará com Sua Igreja. Para o tempo da Final Trombeta ou Trombeta Final, as coisas que acontecerão já estão mencionadas na Bíblia. Para o mundo haverá uma manifestação de testemunho com a pregação do Evangelho do Reino para todas as nações, onde se estará dando a conhecer que a hora do juízo divino chegou; creiam ou não creiam. A Mensagem da Trombeta Final conterá essa revelação do juízo divino; todos os detalhes; o porquê do juízo divino para a raça humana neste tempo final.

Também terá neste tempo que corresponde à Trombeta Final, uma parte para as virgens insensatas, onde vai se cumprir o que é chamado a Terceira Etapa, onde a manifestação de Deus em toda Sua plenitude estará no meio da Igreja e vai impactar às virgens insensatas.

Recordem que o cristianismo completo está representado em dez virgens: cinco prudentes e cinco insensatas. As prudentes são: as que receberam ao Espírito Santo, são as que têm azeite em suas lâmpadas (e o azeite representa o Espírito); e as insensatas: os crentes professantes, mas que não receberam o Espírito de Deus.

E agora, podemos ver que serão impactadas por essa manifestação do Senhor no tempo final, no tempo em que Ele estará soando essa Trombeta Final; ou seja, no tempo em que o Espírito Santo estará falando à humanidade, ao cristianismo (a prudentes e insensatas); estará falando-lhes a Mensagem do Evangelho do Reino, que gira em torno da Segunda Vinda de Cristo, como o Evangelho da Graça gira em torno da Primeira Vinda de Cristo.

Nessa Mensagem estará tudo o que Deus irá fazer neste tempo final; estará sendo falado. Aí estará a revelação de Deus de todas as coisas que vão acontecer neste tempo final; aí estarão todos os detalhes.

E, o importante para nós, é que nessa Mensagem está a parte que Deus fará conosco. E essa é a parte boa dessa Mensagem para nós! Ante a Final Trombeta ou Trombeta de Deus é que serão recolhidos os escolhidos. “E enviará seus anjos com grande voz de trombeta, e juntarão a seus escolhidos.” [Mt 24:31]

Essa é a Trombeta da Mensagem do Evangelho do Reino. Com essa Mensagem serão recolhidos todos os escolhidos do cristianismo; e depois serão recolhidos todos os escolhidos do povo hebreu, que são 144 mil do povo hebreu. Mas do cristianismo não sabemos quantos são os escolhidos que estarão vivos neste tempo. Porém, o importante não é qual é o número; o importante é que sejamos do número dos escolhidos que serão transformados neste tempo final. E essas pessoas serão aquelas que estarão escutando essa Trombeta Final, a Mensagem final de Deus: a Mensagem do Evangelho do Reino, juntamente com a Mensagem do Evangelho da Graça.

Ou seja, são pessoas que terão escutado a pregação do Evangelho de Cristo, o terão recebido como Salvador, terão crido na Primeira Vinda de Cristo e Sua Obra de Redenção na Cruz do Calvário e terão recebido essa transformação espiritual, essa adoção espiritual.

Mas nos falta a adoção física (que será nossa transformação) para termos vida eterna física e podermos ir com Cristo à Ceia das Bodas do Cordeiro.

E agora, sob a pregação do Evangelho do Reino, que é sob o tempo em que a Trombeta Final esteja soando... Porque a Trombeta Final é o Evangelho do Reino sendo pregado, o qual gira em torno da Segunda Vinda de Cristo; e a Segunda Vinda de Cristo é para a ressurreição dos mortos em Cristo e a transformação de nós que vivemos; todas estas coisas têm que acontecer sob a Final Trombeta. Sob a Final Trombeta é aberto o mistério do Sétimo Selo: o mistério da Segunda Vinda de Cristo; sob a Final Trombeta, o Sexto e Sétimo Selos são abertos, ou seja, são feitos uma realidade, se tornam reais para os escolhidos de Deus e produzem a obra, o labor para o qual são abertos no Último Dia.

Com a abertura do Sétimo Selo, ficará completamente aberto o mistério da Segunda Vinda de Cristo, e também o mistério do Sétimo Selo; e ficará também aberto o mistério da fé para sermos transformados e levados com Cristo à Ceia das Bodas do Cordeiro. Ou seja, sob o mistério do Sétimo Selo estão todos os mistérios correspondentes ao tempo final; pelo qual, necessitamos escutar a Trombeta Final ou Grande Voz de Trombeta.

Muitas pessoas querem que Deus lhes fale, que Deus lhes revele; pois veja: a forma em que Deus estará revelando todos os mistérios correspondentes a este tempo final é através da Trombeta Final, ou seja, por meio da Mensagem do Evangelho do Reino.

Assim como através do Evangelho da Graça são abertos todos os mistérios da Primeira Vinda de Cristo; o propósito para o qual Ele veio e o Programa Divino que Ele realizaria com Sua Igreja, tudo isso está dentro da Mensagem do Evangelho da Graça.

E sob a Mensagem da Trombeta Final, que é a Mensagem do Evangelho do Reino, estão todos os mistérios da Segunda Vinda de Cristo e as coisas que Ele estará fazendo em Sua Vinda neste tempo final. Todas as coisas correspondentes à Dispensação do Reino estão dentro da Mensagem da Trombeta Final ou Grande Voz de Trombeta; ou seja, dentro da Mensagem do Evangelho do Reino.

Agora, temos visto o que ocorre ao final da Trombeta. E depois, iremos daqui à Ceia das Bodas do Cordeiro, com corpos eternos, corpos glorificados. E depois de três anos e meio (que será a festa – o tempo que durará a festa da Ceia das Bodas do Cordeiro no Céu), regressaremos à Terra. E regressaremos com corpos eternos, corpos imortais para, com Cristo, darmos início ao glorioso Reino do Messias.

E já para esse tempo haverá passado o lapso de tempo, chamado “a grande tribulação”; os juízos divinos já haverão passado sobre a Terra.

Portanto, para os crentes em Cristo, a Trombeta Final (a Voz de Cristo, o Evangelho do Reino) nos traz grandes bênçãos.

“Quem tem ouvidos para ouvir, ouça o que o Espírito diz às igrejas.”

A Grande Trombeta ou Trombeta Final é a Voz de Cristo por meio de Seu Espírito no Último Dia. Portanto, é uma bênção grande escutar a Voz de Deus neste tempo final.

Assim é como estaremos escutando a Trombeta Final e estaremos vendo as coisas que estarão acontecendo neste tempo final; e as estaremos identificando conforme às Escrituras; estaremos vendo o cumprimento das promessas divinas para nós.

Continuem passando uma noite feliz, cheia das bênçãos de Cristo, nosso Salvador. Que passem todos muito boa noite.

“O QUE OCORRE AO FINAL DA TROMBETA.”

Esta conferência foi publicada originalmente pela Gran Carpa Catedral, em Porto Rico, diretamente do espanhol, e traduzida para o português pela Associação Evangelística “A LUZ DO NOVO DIA”.

0.0
Última Modificação: quinta 18 março 2021 14:17

Sem comentários ainda...

Deixe um Comentário

Seu e-mail não será publicado, fique tranquilo.